sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Óvni no México no dia de Natal

Um material enviado pelo ufólogo Ariovaldo Schwarz, mostra um vídeo gravado no dia 25 de dezembro de 2010, onde um objeto foi flagrado em plena luz do dia fazendo evoluções.
O objeto é claro, não apresenta protuberâncias ou luzes, mas faz um variação angular que é no mínimo curiosa, onde o crédito do vídeo é do senhor Alonso Galícia e foi filmado em Rio Bravo, Tamaulipas, México.
Veja o vídeo e lembre-se de emitir sua opinião clicando em comentários.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Reuters: Força Aérea de Israel abate Óvni

A notícia é de uma das principais agências de notícias do mundo, a Reuters, que divulgou nesta quinta, 16, que um avião israelita abateu um objeto voador não identificado suspeito que sobrevoava a central nuclear na cidade de Dimona.

Tendo como fonte um informante da agência no governo daquele país, a notícia fala de um alerta emitido na seqüência do avistamento do objeto, situação que levou à suspensão de todos os vôos civis na região sul do país.

Um porta-voz da Força Aérea de Israel se pronunciou sobre o tema: "Possivelmente algum tipo de balão, definitivamente sobrevoou Dimona. Nós ainda estamos tentando determinar a quem estava subordinado e agora o Exército está cuidando do assunto", informou.

Dados falam que a Força Aérea acabou derrubando o artefato, aparentemente não tripulado, que tinha entrado em zona de exclusão aérea. Não há até ao momento informação sobre a origem do aparelho, que segundo foi noticiado na imprensa local, teria algum grau de sofisticação.

O pesquisador e jornalista internacional Peter Leal falou do assunto em seu site:
"Conversei agora pouco com um chaver que é das IDF (Forças de Defesa de Israel) e ele disse que já é certo que não é um balão, porque segundo informações que ele tem lá dentro, sabe-se que o objeto tinha um sistema de propulsão incrivelmente veloz.
Tão rápido que mesmo tendo sido disparado o sistema de neutralização(foto) assim que ele cruzou o espaço aéreo proibido ainda percorreu uma longa distância, portanto era uma velocidade muito grande. De qualquer forma, seja o que for, já virou pó.

CSPU Comenta: Numa de nossas recentes reuniões, dialogamos sobre o tema "Por Que os Óvnis Não Fazem Contato", que dentre outros aspectos, levantamos a condição de impossibilidade de comunicação, tendo como alguns motivos a diferença de evolução e não interferência na nossa civilização.

Essas barreiras são de diversas naturezas que nos impedem de estabelecer qualquer comunicação, afirmam alguns estudiosos e até mesmo certos documentos. Todavia, em alguns casos essas barreiras podem ser transpostas, e quase sempre resulta em situações complicadas e com sérias consequências para os humanos, algo que pode ser encontrado no próprio Talmud. Para alguns, esses abates visam impedir o contato ou dificultá-lo ao máximo, por qualquer que seja o motivo.

Mais uma vez vemos a ufologia ganhar destaque num grande espaço de mídia, confirmando a seriedade do assunto e como nós precisamos estar antenados sobre estes acontecimentos.
Para os mais céticos, publicamos o link direto da Agência Reuters Internacional

sábado, 25 de dezembro de 2010

Paz a Todos

Agora que você já teve um contato de terceiro grau com Jesus renascido, espero que tenha sido abduzido de você todas mazelas acumuladas até agora, que você possa em 2011 manter contatos de quarto grau permanente com as entidades do Bem de todo o Universo, para multiplicar a tua felicidade e a Paz. Enquanto isso reflita com esta linda mensagem enviada pela Claudia Maciel. Saudações ufológicas a todos os ufólogos e simpatizantes da Ufologia. Jacinto Pereira, Presidente do CSPU.

Natalizar-se é
ouvir
O silêncio interior
É na alma construir
A essência do amor
É
cultivar com carinho
A fortaleza do espinho
No embelezar da
flor.
Natalizar-se é compor
Um hino de liberdade
É semear o amor
Com
atos de caridade
É fazer de cada irmão
Uma rima da canção
Da grande
fraternidade.
Natalizar-se é ter paz
Na hora que for dormir
Sempre
deixando pra trás
As tristezas do existir
É sonhar com esperanças
Para
enfrentar as mudanças
Que sempre estarão por vir.
(Lucarocas)

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Nova Zelândia: Governo Divulga Arquivos Óvnis

Fonte: Folha de São Paulo 

As Forças Armadas da Nova Zelândia divulgaram nesta quarta-feira milhares de relatórios até então classificados como confidenciais que detalham casos envolvendo avistamentos de Objetos Voadores Não-identificados (OVNI) e encontros alienígenas. 

Os relatórios, que datam de 1954 a 2009, foi liberados pela lei de liberdade de imprensa depois que a Força de Defesa neozelandesa removeu nomes e outros elementos de identificação.

Em cerca de 2 mil páginas de documentos, civis, pessoal militar e pilotos comerciais relatam encontros imediatos, geralmente envolvendo luzes que se movem pelo céu.

Alguns dos relatos incluem desenhos de discos voadores, descrições de alienígenas usando "máscaras de faraó" e suposto material de escrita extraterrestre.

Antes de sua liberação, o líder do esquadrão da Força Aérea Kavae Tamariki informou que a Força de Defesa não tem recursos para investigar os avistamentos de Óvnis e que não poderia comentar o conteúdo dos arquivos.

"Apenas fizemos uma coletânea das informações. Não investigamos ou fazemos relatórios, não confirmamos nada neles", declarou ao Dominion Post.

Um dos relatos diz respeito ao avistamento de estranhas luzes na cidade de Kaikoura, litoral de South Island, em 1978, que foram registradas em vídeo por uma equipe de Tv local a bordo de um avião.

O incidente ganhou as manchetes internacionais na ocasião, mas a Força Aérea explicou que se tratou apenas ou de um fenômeno natural no qual as luzes dos navios se refletiram nas nuvens ou então foi uma visão incomum do planeta Vênus.

Os documentos originais nos quais esses relatórios se basearam permanecerão guardados no Arquivo Nacional até 2080.

CSPU Comenta:

Uma tendência internacional está possibilitando o acesso a documentos oficiais sobre o tema óvni, o que só fortalece a ufologia e nos mostra que algo realmente acontece em nosso planeta e que ainda não temos a resposta definitiva.

A cada país que revela seus arquivos, nos surpreendemos com a quantidade de registros e detalhes que impresssionam a todos. Neste casos da Nova Zelândia, país localizado na distante Oceania, o detalhe do ser com "Máscara de Faraó" é algo que merece toda nossa atenção, o que dá força a diversas teorias de contatos de seres em períodos antiquíssimos da história humana, dentre eles, a construção das pirâmides do Egito. 

Aliás, grandes produções Hollywoodianas já exploraram este assunto, como o filme e a série "Stargate" , dentre outras, assim como a citação de escritas desconhecidas, que também desperta o interesse dos ufólogos.

Ademais, é aguardar para termos acesso a este material e trabalhar pelo reconhecimento da ufologia. Veja abaixo uma reportagem de uma TV australiana sobre a notícia:


terça-feira, 21 de dezembro de 2010

E a pesquisa continua

Uma equipe do CSPU formada por: Jacinto Pereira, David Mendes, Mendonça Rodrigues e Elenilton Roratto, estiveram nas localidades de Rafael Arruda, Recreio e São José do Torto (município de Sobral) neta tarde e noite, pesquisando o aparecimento de Óvnis. Uma equipe da TV Jangadeiro acompanhou e registrou o trabalho dos pesquisadores, inclusive entrevistando as pessoas que testemunharam o fenômeno.  Muitas pessoas tiveram frente a frente com esses objetos e fizeram seus relatos desses encontros. Dentre elas podemos citar a comerciante Josiane Aguiar Lucas e sua filha Beatriz, que foram acompanhadas por uma luz forte enquanto viajavam de moto. O senhor José Vieira Lira viu a luz passando sobre o Serrote Comprido, local em que foi visto dias depois, desta feita o objeto ficou no mesmo lugar por muito tempo, horas mudava de cor, horas mudava de tamanho. O importante é que foi visto por muita gente do Recreio, ficaram observando e discutindo entre eles sobre o que poderia ser aquilo. Chegaram a bater fofo e até ligar para uma emissora de rádio, comunicando o fato enquanto estavam observando Das muitas pessoas que testemunharam nesse dia podemos citar duas agentes de saúde, Maria do socorro Lucas Ribeiro e Fátima Lucas Ribeiro; o técnico em eletrônica Oséias Lucas Sena; Jurandir Eusébio de Sena, que ligou para a emissora Rádio Tupinambá e sua filha Taís Sena que tirou a foto. Além destas testemunhas, outras  viram Óvnis em São José do Torto, como Maria das Dores Azevedo que viu na companhia de sua amiga Maria de Fátima Ferreira que viram uma luz do tamanho de uma antena parabólica. Muitas outras testemunhas não foram citadas aqui, ficando para outra oportunidade.

Por: Jacinto Pereira

Dois pastores e 500 ovelhas desaparecem sem deixar rastros

Dois pastores e 500 ovelhas desaparecem sem deixar rastros.

  Dois pastores, um rebanho de 500 ovelhas e vários cães "evaporaram-se" no leste da Geórgia, perto da fronteira com o Azerbaijão, sem deixar qualquer rastro, escreve a BBC. O mistério paira na região.
  A polícia e os moradores da Aldeia de Akhalsopeli , em Gardabani, não entendes o mistério e há quatro dias que procuram os dois homens e as suas ovelhas.
  Mas não há um vestígio sequer para levar ao paradeiro dos pastores e dos animais.
  A população local não entende como é que um número tão elevado de animais pode desaparecer. Os pastores são dois irmãos, Koba e Arabuli Sulhan.
  _ Fonte: Jornal Sol e UFOPortugal.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

SOBRAL. Animais encontrados sem os olhos

 


Após quase dois meses que os animais foram encontrados mortos, sem os olhos e línguas, as famílias do distrito de Baracho continuam temorosas
O sindicalista João Batista Silva Cruz, que mora no Desterro, localidade do distrito sobralense de Baracho, costumava sair do trabalho (Sindicato dos Trabalhadores Rurais) à noite. Desde que avistou uma forte luz no céu, no caminho para casa, “como se fosse um disco voador”, segundo diz, volta mais cedo, no fim da tarde. Também com medo dos fatos inexplicáveis que acontecem na comunidade (animais mortos com olhos e línguas arrancados) a dona-de-casa Luziara de Paula Silva não vai nem pra casa da mãe quando anoitece. É o temor dos moradores da zona rural do município, na Região Norte, depois dos fenômenos que eles atribuem à presença de Objetos Voadores Não Identificados (Óvnis) e extraterrestres. “Não vi e não quero ver. Mas quando soube das notícias dos animais encontrados mortos e das luzes que aparecerem de noite no céu, eu não saio mais de casa se não for de dia”, diz Luziara que mora próximo à casa de João Batista. Ele recorda que vinha do trabalho de bicicleta e deu uma carona a um amigo. “Apareceu uma luz muito forte, era uma bola do tamanho de uma lua cheia. Não tinha barulho, mas se aproximava da gente cada vez mais. Parei e o meu amigo correu pra debaixo de cajueiro. Eu fiquei aguardando e pouco tempo depois foi se afastando e desapareceu”. Além de João Batista, muitas outras pessoas que moram no Desterro (assim chamado para homenagear Nossa Senhora do Desterro) presenciaram o fenômeno. Maciel da Silva Souza não viu o objeto luminoso no céu, mas foi quem encontrou uma cabra sem os olhos e morta. “Estava em cima de uma laje, esticada e os olhos arrancados. Interessante é que não tinha sangue por perto”. Maciel disse que saiu cedo de casa para procurar o animal, a pedido do dono. “Pensamos que tinha sido roubada, mas não. Foi sacrificada e não sabemos por quem”. João Batista tirou a foto da cabra pelo celular.
O presidente do Centro Sobralense de Pesquisa Ufológica (CSPU), Jacinto Pereira, diz que muitos relatos de mutilação de animais têm chegado ao seu conhecimento. “Mas quando nos avisam e vamos até o local, os animais já foram sacrificados, enterrados ou devorados por cachorros. Só temos registros em fotografias e os relatos das pessoas”. Há pesquisadores de Sobral que relacionam a aparição dos Óvnis com os abalos sísmicos ocorridos na mesma região. “No Jordão só o que não faltam são moradores que relatam os fenômenos. Tive notícias de um jumento que também apareceu sem os olhos”, diz Jacinto.
O mais recente caso de mutilação de animais foi relatado a ele por um morador do distrito de Parazinho, a 19 quilômetros da sede do município de Granja, que fica a 100km de Sobral. Fagner Vasconcelos enviou um vídeo e depoimentos de pessoas da localidade.
--
Postado por Elenilton Roratto

Jornal O Povo publica matéria sobre mutilação e cita CSPU

Mais uma vez a imprensa cearense cede espaço para a ufologia, desta feita um dos maiores jornais do Ceará, O Povo, publicou matéria de quase uma página sobre recente mutilação animal num distrito de Sobral/CE.

Assinada pela jornalista Rita Célia Faheina, a matéria traz informaçõe sobre alguns casos de mutilação animal, além da opinião do Presidente do CSPU, Jacinto Pereira. Leia a matéria na íntegra no próprio site do Jornal O Povo (clique aqui) ou cópia abaixo:

Animais encontrados sem olhos e língua; população suspeita de extraterrestres

Por Rita Célia Faheina


O sindicalista João Batista Silva Cruz, que mora no Desterro, localidade do distrito sobralense de Baracho, costumava sair do trabalho (Sindicato dos Trabalhadores Rurais) à noite. Desde que avistou uma forte luz no céu, no caminho para casa, “como se fosse um disco voador”, segundo diz, volta mais cedo, no fim da tarde. Também com medo dos fatos inexplicáveis que acontecem na comunidade (animais mortos com olhos e línguas arrancados) a dona-de-casa Luziara de Paula Silva não vai nem pra casa da mãe quando anoitece. É o temor dos moradores da zona rural do município, na Região Norte, depois dos fenômenos que eles atribuem à presença de Objetos Voadores Não Identificados (Ovnis) e extraterrestres.

“Não vi e não quero ver. Mas quando soube das notícias dos animais encontrados mortos e das luzes que aparecerem de noite no céu, eu não saio mais de casa se não for de dia”, diz Luziara que mora próximo à casa de João Batista. Ele recorda que vinha do trabalho de bicicleta e deu uma carona a um amigo. “Apareceu uma luz muito forte, era uma bola do tamanho de uma lua cheia. Não tinha barulho, mas se aproximava da gente cada vez mais. Parei e o meu amigo correu pra debaixo de cajueiro. Eu fiquei aguardando e pouco tempo depois foi se afastando e desapareceu”.

Além de João Batista, muitas outras pessoas que moram no Desterro (assim chamado para homenagear Nossa Senhora do Desterro) presenciaram o fenômeno. Maciel da Silva Souza não viu o objeto luminoso no céu, mas foi quem encontrou uma cabra sem os olhos e morta. “Estava em cima de uma laje, esticada e os olhos arrancados. Interessante é que não tinha sangue por perto”. Maciel disse que saiu cedo de casa para procurar o animal, a pedido do dono. “Pensamos que tinha sido roubada, mas não. Foi sacrificada e não sabemos por quem”. João Batista tirou a foto da cabra pelo celular.

O presidente do Centro Sobralense de Pesquisa Ufológica (CSPU), Jacinto Pereira, diz que muitos relatos de mutilação de animais têm chegado ao seu conhecimento. “Mas quando nos avisam e vamos até o local, os animais já foram sacrificados, enterrados ou devorados por cachorros. Só temos registros em fotografias e os relatos das pessoas”. Há pesquisadores de Sobral que relacionam a aparição dos Ovnis com os abalos sísmicos ocorridos na mesma região. “No Jordão só o que não faltam são moradores que relatam os fenômenos. Tive notícias de um jumento que também apareceu sem os olhos”, diz Jacinto.

O mais recente caso de mutilação de animais foi relatado a ele por um morador do distrito de Parazinho, a 19 quilômetros da sede do município de Granja, que fica a 100km de Sobral. Fagner Vasconcelos enviou um vídeo e depoimentos de pessoas da localidade.


ENTENDA A NOTÍCIA - localidade de Desterro fica no distrito de Baracho, em Sobral. Quando chove, a estrada que dá acesso ao local fica intransitável. As 51 famílias que vivem lá têm dificuldades também de conseguir água para o consumo. SAIBA MAIS No começo do mês de outubro passado, criadores de ovelhas que moram nas localidades de Espinhos e Pizunha, no município de Cruz, relataram ataques aos animais. Os bichos apareciam com os olhos arrancados. Os que ficaram vivos, sem os olhos, foram sacrificados.Mais de 40 animais sofreram as agressões - só em uma noite, 15 foram atacados - e muitos moradores culparam os guaxinins ou pessoas que utilizaram lâminas bem afiadas para retirar os olhos. As pessoas não perceberam barulhos dos animais, à noite ou na madrugada. Em Bela Cruz, também há queixa dos ataques a ovinos nas localidades de Guarda, Jenipapeiro, Correguinho e Matriz. Em um fim de semana, 17 ovelhas tiveram os olhos arrancados.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Nova foto de óvni em Sobral


Uma das principais orientações do CSPU quanto aos avistamentos ufológicos é que se faça o registro sempre que possível, assim, poderemos ter elementos para comprovar o avistamento.
Na manhã deste domingo, 19/12/2010, recebemos um material de um internauta do Blog do Centro com uma foto anexada para nossa análise.
Segundo relato, uma senhora fez a foto do a partir da janela de seu quarto e assim caracterizou a testemunha:
"Se tratava de uma "bola vermelha" que flutuava sem fazer barulho sobre algumas plantas muito altas, algo em torno de 15 a 20 metros de altura que liberava algumas "bolinhas azuis" , peguei a câmera digital tirei uma foto com flash, e logo a bola apagou-se e sumiu. " Ainda aguardamos detalhes sobre a data exata e outros detalhes do registro, como o tipo de equipamento e horário, mas fomos informados que o fato ocorreu nas proximidades de um clube de Sobral, na estrada para o município de Massapê.
Agreçemos ao senhor Rennan, autor do envio da foto, e o mais breve possível emitiremos um parecer.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Vídeo de óvnis no Japão

Por Jânder Magalhães
Este vídeo foi publicado recentemente por um internauta autor do site Hidden truth.
Não há maiores detalhes, o que se sabe até agora é que foi produzido em algum lugar do Japão, assim, a falta de identificação levanta suspeita sobre a originalidade do material, como o uso de computação gráfica.
Mesmo assim, publicamos o vídeo para que possa ser visto e analisado pelos internautas que navegam pelo blog do CSPU.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Como ser um ufólogo?

Por Jânder Magalhães
O que verdadeiramente caracteriza um ufólogo hoje no Brasil?
Já não é novidade pra ninguém que como esta "ciência", a ufologia, ganha espaço a cada dia não só em nosso país, mas em todo o planeta.
O termo ufologia é oriundo da sigla inglesa UFO (Unidentified Flying Object), já superado, inclusive a sua própria tradução literal, que seria Objeto Voador Não-identificado, daí originando o termo mais utilizado por países de línguas latinas.
Superado por que? Porque os estudos ufológicos avançam bem mais que a observação de objetos nos céus, os ufólogos analisam contatos, tecnologias, aspectos dimensionais, históricos, arqueológicos, fenômenos marinhos e em locais abissais no planeta, enfim, um verdadeiro arsenal de considerações.
Estudamos contato, serem, pessoas que afirmam ter visto, feito contato e apresentar evidências. Analisamos operações governamentais e estudamos teorias as mais diversas, o que nos diferenciam de pessoas comuns quando analisamos um caso ufológico.
Fazemos tudo isso, mas ainda não temos o reconhecimento da Academia.
As buscas e aprofundamentos são solitários, fruto de madrugadas ao claro de um monitor de computador , assistimos os mais diversos documentários, alguns deles até simplórios, ou nos encontramos na busca de livros em sebos antigos e leitura de textos densos, que só mesmo um ufólogo se dedicaria a ler com tanto afinco.
Conversamos com pessoas, e que não são tantas, que também comungam como o pensamento investigativo, mas ainda não temos a condição de apresentar algum documento que comprove, Eu sou um Ufólogo de carteirinha, e isso literalmente.
Uma das questões sérias que o CSPU discute é a forma com a ufologia é apresentada hoje em dia, onde pessoas se autodenominam ufólogos, mas que na verdade só trazem ainda mais dúvidas sobre o tema. Esta área necessita que afinemos nosso discurso e que pessoas interessadas no tema possam ter um raciocínio lógico e acadêmico sobre o tema, considerando aspectos da ciência legal, para assim não sermos considerados lunáticos, e sim respeitados por todos.
Foi pensando nisso, que o CSPU começou um trabalho inédito em nosso país e que pode trazer um enorme benefício para os estudiosos da ufologia.
Um trabalho já foi iniciado e o CSPU pretende oferecer, a depender do andamento da articulação, o primeiro Curso de Formação em Ufologia Científica do país com chancela de uma Instituição de Ensino Superior.
Como a conversação ainda encontra-se em fase inicial, não podemos dar maiores detalhes, mas algo já pode ser dito, por exemplo, o curso não será uma graduação e poderá ser feito por interessados de qualquer lugar do país, aguardem mais novidades.
Você faria um curso chancelado por uma Faculdade para se tornar um Ufólogo?
Poste um comentário e deixe sua opinião!

domingo, 12 de dezembro de 2010

Mutilação de animais: novo caso no Ceará


Por Jânder Magalhães

Mais um caso de mutilação em animais no estado do Ceará, desta vez o caso ocorreu no distrito de Parazinho, há 19 km da Sede do Município de Granja, localizado a pouco menos de 100 Km de Sobral, estado do Ceará.
O CSPU recebeu informações de um colaborador, Fagner Vasconcelos, onde abaixo postamos sua mensagem sobre o caso e logo após um vídeo com uma entrevista a uma testemunha, feita pelo próprio Fagner.
Membros do CSPU já planejam uma visita ao local para trazer novas informações sobre o caso, por enquanto, leiam o depoimento e assistam a interessante entrevista de nosso colaborador:

"Há cerca de 2 semanas um amigo meu, Diassis, me relatou sobre um episódio ocorrido enquanto ele trabalhava no carnaubal.
Segundo ele, ele estavam dormindo em meio a vegetação, armaram suas redes entre pés de carnaúba e já de madrugada foram acordados pelo motorista do caminhão da máquina de bater palha que gritou apontando para cima.
Os mesmo ao despertar viram uma forte luz em forma de circulo que já estava se elevando rumo ao céu. Após o episódio todos ficaram temerosos e não conseguiram mais dormir.
Já na manhã do mesmo dia, quando todos estavam acordados viram um ovelha deitada próximo ao monte de palha, o capataz pediu a Diassis que fosse lá e tirasse o animal. Ao chegar junto ao bixo notou que a mesma estava sem os olhos.
Todos conferiram e ficaram intrigados com a situação e imadiatamente associaram com os casos amplamente divulgados pela mídia livre cearense e pelo CSPU, ocorridos em Bela Cruz, Cruz e Jordão."


Conheça a Ufologia brasileira

Finalmente estão disponíveis os documentos sobre UFOs no Brasil liberados oficialmente pelo Governo inteiramente grátis

crédito: Arquivo UFO

 

São arquivos obtidos pela Revista UFO através de vazamentos e revelações anônimas feitas por integrantes de nossas Forças Armadas

Durante o mês de dezembro a Revista UFO tem uma promoção muito especial para toda a Comunidade Ufológica Brasileira. Até dia 31, fazendo qualquer compra no Shopping UFO, você ganha de brinde um DVD de dados com todos os documentos sobre discos voadores e seres extraterrestres no Brasil, liberados oficialmente pelo Governo Federal. São quase 5 mil páginas e muitas fotos que antes eram mantidas secretas nos arquivos da Força Aérea Brasileira (FAB), e que foram recentemente liberadas como resultado da campanha UFOs: Liberdade de Informação Já, uma iniciativa implantada em 2004 pela Comissão Brasileira de Ufólogos (CBU), através da Revista UFO.
O material contido no DVD de dados – para leitura, consulta e até impressão em seu computador – é oferecido gratuitamente a todos os interessados. O disco contém digitalizados e em formato PDF todos os arquivos liberados pelo Governo Federal desde 2007, em várias etapas que marcaram a abertura ufológica brasileira. Você terá acesso a materiais produzidos confidencialmente pela FAB desde 1950 até 2009, incluindo dados e imagens antes não conhecidos sobre a Operação Prato, a Noite Oficial dos UFOs no Brasil e muitos outros casos investigados oficialmente pelo Sistema de Investigação de Objetos Aéreos Não Identificados (Sioani), que nunca vieram a público.
Enfim, o expressivo resultado da primeira iniciativa popular para promover a liberação de segredos ufológicos no país, o movimento UFOs: Liberdade de Informação Já, está inteiramente à sua disposição. O DVD de dados inclui, ainda, documentos secretos obtidos com exclusividade pela Revista UFO através de outros meios, como vazamentos e revelações anônimas feitas por integrantes de nossas Forças Armadas, que contêm até mesmo impressionantes perseguições de discos voadores por nossos caças a jato.

Atenção: Este DVD de dados não está à venda. Para obter uma cópia você deve fazer uma compra no Shopping UFO de valor igual ou superior a R$ 50,00 em produtos*. A aquisição de nossos produtos gerará a receita que cobrirá as despesas de produção, manuseio e envio do disco. Garanta já o seu. Vá agora mesmo ao Shopping UFO e faça suas compras!

Clique aqui para comprar


sábado, 11 de dezembro de 2010

Parabéns pra você

Quem está aniversariando hoje é o companheiro

Franklin Adolfo Pinotti Bevenutti, ufólogo número dois do Centro Sobralense de Pesquisa Ufológica, a quem desejamos muita paz, muito sucesso e muitas felicidades, para ele e sua família felicidade. Parabéns companheiro.

Por:Jacinto Pereira

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Mais mutilações em animais

Acabo de saber que um jumento foi encontrado sem os olhos no Jordão, Sobral e mais uma ovelha arrancada os olhos, só que desta vez não foi em Cruz-CE, mas no Parazinho, município de Granja-CE.

Por: Jacinto Pereira

domingo, 5 de dezembro de 2010

Como Ser um Ufólogo?

Vida agitada, trabalho infinito e reconhecimento mínimo

Você seria um ufólogo? Tem certeza disso? Veremos...
Na Ufologia idônea, cada um tem sua profissão e trabalho, em que sustenta a família e ganha o 'pão de cada dia'. Praticamente todo tempo restante, o pesquisador ufológico utiliza para estudos de supostos casos, relatos, aparições, avistamentos, testemunhas, abduções, fotos, filmagens, evidências físicas etc. Muitas vezes - senão a maioria -, os acontecimentos são verificados como falsos, equivocados, errôneos, confundidos e são desmistificados, ou permanecem sob avaliação. No entanto, os poucos que sobram são casos fantásticos e vale a pena continuar, mesmo com gastos pessoais.
Ela é uma paraciência, pois não temos em mãos o objeto de pesquisas, ou seja, um disco voador, e nenhum laboratório mundial consegue reproduzir alguns efeitos físicos dos Ufos, que parecem seguir regras e fórmulas próprias. Enquanto não convencermos a maioria da classe acadêmica sobre a importância e complexidade real desta modalidade, não passaremos pelos "tribunais" científicos. No entanto, aos poucos e com seu próprio auxílio, as impossibilidades de ontem vão se modificando, com a inclusão de muitos cientistas na pesquisa ufológica a cada dia, é questão de tempo para obtermos resultados positivos dentro da área.
O estudo e investigação dos Ufos, ao contrário do que imaginam alguns, abrange grande parte das ciências e tecnologias de que dispomos atualmente e outras que sequer descobrimos ou sonhamos ainda, como também envolve a história da vida no planeta. Inevitavelmente, as religiões, doutrinas, o misticismo e fenômenos parapsicológicos estão em pauta na grade e revelam que o Fenômeno UFO transcende a matéria, as metodologias científicas e tudo o que aprendemos em termos cotidianos. Confirmadas as teorias e hipóteses, no futuro, o ser humano precisará reescrever a história, o que certamente afetará em cheio e irreversivelmente religiões, culturas, política, governos e a própria compreensão de nosso real papel perante o universo. Como percebemos, estes ramos são também muito importantes quando este é o tema.
Imparcialidade - no dicionário, imparcial: que julga sem parcialidade; neutro, justo. Nas investigações, esta impessoalidade fica às vezes comprometida, em qualquer área do conhecimento. Na Ufologia também não seria diferente, principalmente no que diz respeito às origens dos seres que interagem conosco, porque podem proceder de vários lugares, tanto de outras dimensões quanto a tradicional origem extraterrestre, cada espécie e tecnologias com seus meios de transporte. Se a tipologia é diversificada tanto aos humanóides quanto aos Ufos, podem ser muitos os locais de procedência, inclusive a própria Terra, com grande probabilidade de haver mais de uma resposta dentre as conclusões, ou um pouco de cada possibilidade esteja passível de ser aplicada.
A realidade ufológica e mesmo a existência de vida no universo é inquestionável nos dias de hoje. Muitos ufólogos defendem esta hipótese por esse motivo e, também, devido a confirmação por parte dos próprios seres em muitos casos, onde abduzidos são informados de que seus raptores vêm de outros planetas habitados. Contudo, esta é uma das respostas. Isso não quer dizer que todos venham de outros planetas, ou deste universo. O importante é manter a mente aberta sempre, à novos valores e realidades.
O desrespeito que ainda impera para com os ufólogos - apesar de notável mudança nos últimos tempos - é em parte culpa deles mesmos, quando das "escorregadas" infantis que ocorrem por representantes ilegítimos da classe, em parte a própria imprensa, que aceita entrevista com qualquer farsante, inventor de anedotas espaciais ou "guru" salvador do universo, e claro, as seitas que ainda se proliferam, que tiraram Cristo da cruz e colocaram um ET num disco voador. Precisamos educar ufologicamente muitos dos "jornalistas" -sempre sem generalizar- que se preocupam apenas com sensacionalismo barato, mostrar a população e aos veículos de comunicação a importância e necessidade de atenção ao assunto e desmistificar embustes, além dos aproveitadores que se utilizam da ingenuidade alheia.
Trabalho é o que não falta, e voluntário, sem remuneração. É tarefa para poucos, realmente. Constatando, Ufologia é A ciência do futuro, englobando diversificados segmentos do conhecimento humano, e, separando este joio facilmente identificável por quem tem um pouquinho de senso crítico, o trigo é da melhor qualidade, orgânico e sem agrotóxicos.
Ufólogo não é profissão porque nada traz de lucro, não há salário nem direitos trabalhistas. Por isso, trata-se de um grande desafio na vida de quem deseja pesquisar Ufos. Resumindo, para ser ufólogo é preciso força de vontade insuperável, tolerância de monge, algum dinheiro para investir em equipamentos, viagens, congressos, pesquisas etc por sua conta - porque ninguém patrocina projetos ufológicos - e sempre um tempo disponível. No entanto, o que vai contar mesmo dentro da Comunidade Ufológica será sua índole, humildade, seriedade, responsabilidade. Se cair em desgraça e deslize, sendo classificado de embusteiro, falso, pouco confiável, traiçoeiro etc, "já era". Portanto, idoneidade é essencial.
Simplicidade e confiança - Ufologia não exige formação universitária ainda, mas também não pode ser considerada um simples hobby. Talvez, um termo que mais se aproxima do ideal, seria a de uma sina, que não se pode escapar, mesmo querendo. Não dá lucro algum - ao contrário -, não dá prestígio fora do meio - ao contrário - e um deslize pode lhe custar a confiança dos demais. Não tente revolucionar, criar novas teorias, explicações e visões sem um bom embasamento, argumentação e boas conversas nos bastidores com os mais experientes, senão pode se queimar também.
Alguém surgindo do nada com mirabolantes explanações para o inexplicável é complicado. Os grupos de investigação, espalhados pelo país e os continentes, não costumam ser fechados como se imagina, mas é preciso se aproximar com calma e mostrando o interesse adequado (nem exagerado/doentio ou especulativo somente), conquistando a amizade e confiança dos demais. Ao mesmo tempo, verifique a credibilidade do grupo e das pessoas que o compõe, antes que possa se juntar inocentemente à problemas e dores de cabeça. Mostre serviço, sem nunca querer ou almejar nada em troca, faça por prazer e satisfação em ajudar.
Exatamente por aí é que se vê e diferencia quem realmente é UFÓLOGO, de outros que se consideram ou simplesmente intitulam-se como tal. O despreparo, fragilidade emocional e científica, ou ao menos o mínimo de boa vontade e espírito investigativo, estas são as carências de quem "acha" que Ufologia é uma simples diversão, ou que realmente qualquer indivíduo pode ser ufólogo, da noite para o dia. Ledo engano.

Por: Paulo Poian

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Novo avistamento em Cariré/CE

Para os que pensavam que os avistamentos de óvnis tinha deixado de acontecer na região norte do Ceará, área que compreende a cidade de Sobral e municípios circunvizinhos, um novo relato pôs por terra essa conclusão
Através de uma entrevista colocada no ar pela Rádio Tupinambá AM de Sobral pelo repórter Luís Neto, o CSPU tomou conhecimento do mais recente relato de avistamento das luzes não-identificadas na região norte do estado do Ceará. De acordo com o relato, uma professora do município de Cariré, aproximadamente 50 Km de Sobral/CE, uma forte luz perseguiu um ônibus que conduzia estudantes na noite desta terça-feira, 30/11/2010. De acordo com a professora, a luz surgiu no céu um pouco distante, sendo confundida por alguns alunos com um avião, mas que em poucos minutos se aproximou muito do veículo, chegando a formar um claro e seguí-lo por um determinado tempo, eliminando qualquer possibilidade de ser uma veículo conhecido.
Ao ser indagada sobre o que achava que seria o objeto, a professora foi categórica em afirmar que não era nada conhecido por ela e que possivelmente seria a "Luz"que tantos falam.
Ainda esta semana o CSPU fará uma pesquisa de campo e brevemente trará novidades sobre mais este caso.

Nota de Falecimento

Informamos que faleceu hoje, 1/12/2010, por volta de 10h, na UTI de um hospital na cidade de Goiânia/GO, José Pereira de Sousa, 79, irmão mais velho do Presidente do CSPU, Jacinto Pereira.

José Pereira de Sousa era filho de Antônio Pereira Brandão e sua primeira esposa e sua partida deixou muita tristeza para José Pereira, Maria de Lourdes, Jacinto Pereira, Isabel Pereira, Raimunda Dutra, Francisco das Chagas e Jonas Brandão, irmãos que ainda convivem com a família. O seu corpo será sepultado amanhã, 02/12, na cidade de Araguaína/TO, onde residia com a maioria de seus nove filhos.

Nós, que fazemos o CSPU, amigos e conhecidos do Presidente Jacinto Pereira, expressamos os mais sinceros sentimentos e nossas condolências neste momento tão sensível para toda família.

domingo, 28 de novembro de 2010

Reunião de novembro do CSPU supera expectativas

A reunião ordinária do CSPU, ocorrida dia 26/11/2010, sexta-feira, na cidade de Sobral, superou todas as expectativas tanto em conteúdo com em presença de público.

Com um auditório integrando mais de 50 pessoas, essa reuniáo de novembro pode confirmar o caráter sério e regular do trabalho do Centro.

Após os informes, apresentados pelo Presidente Jacinto Pereira, a primeira pauta do dia foi apresentada pelo companheiro Franklin Adolffo, especialista em eletrônica, que fez uma rica apresentação sobre a influência das freqüências vibratórias e campos magnéticos. Ainda discorreu, com propriedade, sobre o possível uso da luz em alta escala e de diversas formas pelos Óvnis e por quem os conduz enquanto que os cientistas da terra ainda trabalham arduamente para aprender a utilizar a luz como fonte de energia de propulsão, processos de invisibilidade e outras aplicacões. O expositor nos fez entender o quão pouco nós conhecemos dessa dádiva maravilhosa que é a Luz.

Em seguida, foi a vez de Jânder Magalhães fazer sua apresentacão bem dinâmica e dialogada com os presentes, onde pode apresentar algumas teorias possíveis sobre o tema de sua palestra "Por que os Óvnis não fazem contato" . Com sua exposicão, Jânder Magalhães buscou contextualizar para a plenária o quanto evoluídos podem ser os extraterrestres que nos visitam, a ponto de não considerarem nossos supostos valores hierárquicos e de propriedades e considerarem qualquer tipo de contato de forma aberta algo eminentemente invável. Assim, utilizando conceitos trazidos pelos próprios expectadores, Jânder pode construir e apresentar outras teorias, e em nenhum momento incorreu no erro de querer ser definitivo no assunto, mas fazer com que os participantes começassem a pensar de forma mais reflexiva sobre a verdadeira razão para que um contato oficial não tenha acontecido até agora, já que não há mais dúvidas das visitas de ETs constantemente ao nosso planeta.

A idéia do CSPU é que temas sejam discutidos em cada encontro para que possamos nos aprofundar ainda mais na ufologia. Para o Presidente Jacinto Pereira, o Centro passa por um de seus melhores momentos: "Muito obrigado a todos que lá compareceram, esperamos as opiniões de vocês para aperfeiçoarmos os nossos eventos", conclui.

Para a próxima reunião, o advogado e membro do CSPU, Edílson Siridó, será um dos expositores com a temática ainda a ser definida.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Reunião Ordinária novembro de 2010

Local: Auditório da Eletromil – R. Cel. Diogo Gomes, 1302, defronte ao Banco do Brasil, próximo ao Mercado Central – Centro/Sobral
Data: 26/10/2010, sexta-feira
Horário: Início - 19h / Término - 21h30
Programação
19h - Abertura da reunião
Informes e novos depoimentos
19h30 - Pauta 01
Expositor: Franklin Adolffo – 30 minutos
Tema: Influência das freqüências vibratórias e campos magnéticos
20h - Pauta 02
Expositor: Jânder Magalhães - 30 minutos
Tema: Por que os óvnis não fazem contato?
21h - Debate
21h30 - Encerramento

Vídeo com nova testemunha de Óvni

Em mais uma de suas operações de investigação, o CSPU conversou com o Sr. Francisco Josué do Nascimento Gomes, residente no bairro Sumaré, município de Sobral/CE.
Numa entrevista de aproximadamente 5 minutos, o jovem fala de sua experiência ao presenciar a luz, onde outros detalhes pode ser vistos no vídeo que deve ser publicado ainda hoje.

domingo, 21 de novembro de 2010

Ufologia séria, já!

Com um trabalho indenpendente e sem fazer nenhum tipo de contato com a equipe do CSPU, um ufólogo independente de nome Agobar Peixoto, residente em Fortaleza, esteve em Sobral essa semana para, segundo ele, fazer investigação sobre as aparições de óvnis na região.

Os resultados de sua investigação não foram vistos, apenas algumas entrevistas em emissoras de rádio de Sobral, nas quais mostrou conclusões peremptórias sobre os objetos e seus ocupantes, que o CSPU, mesmo com anos de experiência local e um grupo eclético de profissionais, ainda não teve a audácia de se posicionar.

Obviamente, as declarações do Sr. Agobar são até certo ponto pouco cautelosas e demasiadamente precipitadas, principalmente ao afirmar que existem dois tipos de seres e que cada um deles possui um modos operandi próprio, como relatou em entrevista a uma emissora de rádio.

O Bruno viu Bilu

Não bastasse suas colocações polêmicas e com pouco ou nenhum embassamento, o Sr. Agobar ainda trouxe consigo um companheiro de nome Bruno, que afirma ter sido abduzido por seres de outro planeta.

Segundo sua declaração em entrevistas, Bruno diz ter viajando numa nave sobre a órbita terrestre, se comunicado telepaticamente com um ET e ainda ter sido convidado para ter relações sexuais e engravidar uma mulher de outro planeta, afirmando ter recusado realizar o procedimento, mas não dizendo o motivo. Informou ainda que possuiu chip no braço e que possui "superpoderes"? quando está ao lado dos seres, como atravessar paredes sólidas.

Nomes estranhos foram citados, lugares desconhecidos também, mas não foi apresentado pelo suposto abduzido nenhum tipo de prova concreta de seu contato com seres não-terrestres, apenas relatos comumente vistos em filmes do cinema e livros sobre o tema.

Posição do CSPU

Enquanto o nosso Centro trabalha numa linha investigativa, buscando esclarecer os fenômenos ufológicos à luz de explicações científicas com ética e bom senso, é uma pena que algumas pessoas ainda utilizem a ufologia para atrair os holofotes da mídia e externar suas elucubrações e projeções fantásticas e fantasiosas, dificultando a aceitação da área como algo sério e de importância social.

Mesmo assim, o CSPU vem seguindo na luta pela construção de uma ufologia séria, pautada em valores com o respeito a inteligência das pessoas e o zelo pela divulgação de qualquer conclusão feita, tendo absoluto cuidado com qualquer tipo de informação publicada na imprensa e em suas reuniões.

Na oportunidade, lembramos que a próxima reunião do CSPU acontece nesta próxima sexta, no auditório da Eletromil, de fronte ao Banco do Brasil da R. Diogo Gomes, Centro de Sobral, a partir de 19h.

sábado, 20 de novembro de 2010

Professor Agobar Peixoto esteve em Sobral colhendo informações sobre aparição de OVNI em nossa região

Por: Ivo Zarante

O Apresentador do Programa Plantão Alerta e repórter do Site: Clevis. grandesobral.com, conversou na tarde dessa quinta-feira, 18/11/2010, com o especialista em ufologia, Agobar Peixoto.

Dona Zeneida,Prof.Agobar e o Jovem Bruno,que foi abduzido por uma nave

O conhecedor esteve colhendo relatos de moradores residentes em nossa região, com relação ao aparecimento de OVNIS.

Agobar Peixoto esteve na residência da senhora Zeneida, residente no Bairro Alto do Cristo, onde ela afirma que foi abduzida por uma nave.

dona Zeneida mostra o desenho de um possível ET.


NO MESMO EMBALO:


BRUNO AFIRMA QUE FOI ABDUZIDO POR UMA NAVE E TEVE CONTATO COM ALGUNS ET’S

Estava em companhia do Professor Agobar,o jovem Bruno,24 anos, residente em Fortaleza.Ele afirma que também foi abduzido e teve contato com seres de outro planeta.

Acompanhe a entrevista do Jovem Bruno.

Entre outras revelações, ele afirma que já esteve dentro de uma nave, os Et’s lhe apresentaram uma mulher muito bonita (seria uma etzinha?), os alienígenas colocaram um chip em seu braço, quando está de mãos dadas com algum ET,o mesmo tem poderes. (vixe)

ACOMPANHE A ENTREVISTA CONCEDIDA AO RADIALISTA CLEVIS OLIVEIRA.

OVNI APARECE NOVAMENTE, E ATERRORIZA PESSOAS NO DISTRITO DE ARACATIAÇU – SOBRAL – CEARÁ

No último Domingo (14/11), moradores da localidade de Logradouro, comunidade situada a 10 km da sede do distrito de Aracatiaçu, e distante cerca de 74 km da sede do município de Sobral estado do Ceará, foram perseguidos por uma intensa luz, que sobrevoou o céu da localidade por aproximadamente 06 horas, aterrorizando várias pessoas.

De acordo com o relato das vítimas, a luz que era semelhante a um relâmpago, esteve se movimentando em várias direções e perseguindo populares, focando em diferentes pontos do solo, das 18hs30min de domingo (14/11), às 00hs de segunda-feira (15/11).

Segundo informações de populares, a luz ainda foi vista, por moradores de várias comunidades vizinhas , e por moradores do município de Forquilha.

Blog:Carlos Silva

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Pauta para reunião do CSPU

Reunião Ordinária
novembro de 2010



Local: Auditório da Eletromil – R. Cel. Diogo Gomes, 1302, defronte ao Banco do Brasil, próximo ao Mercado Central – Centro/Sobral
Data: 26/10/2010, sexta-feira
Horário: Início - 19h / Término - 21h30


Programação

19h - Abertura da reunião
Informes e novos depoimentos

19h30 - Pauta 01
Expositor: Franklin Adolffo – 30 minutos
Tema: Influência das freqüências vibratórias e campos magnéticos

20h - Pauta 02
Expositor: Jânder Magalhães - 30 minutos
Tema: Por que os óvnis não fazem contato?

21h - Debate

21h30 - Encerramento

terça-feira, 16 de novembro de 2010

A persistência arredia e a esquiva em torno da realidade ufológica

 

Hipótese de vida inteligente fora da Terra poderia significar, para muitos, uma diminuição daquilo que imaginam sobre si mesmos

Recentemente, duas reportagens duvidosas foram veiculadas na grande mídia, banalizando os fenômenos ufológicos. A primeira delas, expôs de forma detalhada uma evidente fraude, ocorrida no interior do Mato Grosso do Sul. Embora tenha tentado manter o tom investigativo, não conseguiu ocultar sua intenção de ridicularizar o assunto. Tal matéria foi ao ar em 10 de outubro, no Domingo Espetacular, da Record.

Já a segunda tratou do conhecido Caso Varginha e foi exibida pelo Jornal da Band numa terça-feira, dia 19 do mesmo mês. Nesse último caso, o tema abordado foi uma suposta investigação oficial, realizada pelo Exército Brasileiro, sobre o famoso ET que teria aparecido no interior de Minas Gerais - reportagem que, aliás, veio na esteira de uma matéria da revista IstoÉ.

O que chama a atenção na forma como o Fenômeno UFO foi abordado nesses trabalhos jornalísticos de empresas importantes em nosso país, não é propriamente seu conteúdo informativo, mas o ponto de vista caricatural e, a priori, cético, que elas adotaram. Tudo se passou como se a Ufologia não fosse mais que um disparate completamente amalucado, um passatempo de fanáticos delirantes que, num caso, entregam-se credulamente aos embustes de um oportunista e, noutro caso, concluem uma história extraordinária e fartamente investigada a partir de frágeis testemunhos de adolescentes.

Mesmo na segunda reportagem, que tratou da investigação de uma instituição séria (o Exército), os argumentos usados para descartar a hipótese de um caso ufológico expressivo, ocorrido em 1996, são completamente precipitados e pueris. Tudo leva a crer que a intenção dos órgãos oficiais do Estado e da mídia brasileiros é justamente a de apagar da memória coletiva a hipótese, perfeitamente plausível num universo composto por milhões de galáxias, de vida extraterrestre.

A divulgação de matérias céticas obtusas como essas pretendem remover uma suspeita (ou mesmo, em alguns casos, uma convicção) cultivada por muita gente sensata. E se é preciso empenho para destruir uma "crença" - como dizem -, significa que esta mesma já se assentou em muitos espíritos e que, de alguma maneira, exerce influência.

Se a inexistência de vida alienígena fosse um ponto pacífico, uma absoluta verdade, isso se imporia sem esforços. Mas o fato é que as dúvidas que pairam sobre o assunto nos convidam a adotar uma atitude mais prudente, uma atitude intermediária, entre a credulidade incondicional e a descrença radical. Sem fanatismo e sem ceticismo. Eis o ponto de vista neutro no qual podemos nos posicionar de modo mais racional e crítico.

Ao que parece, a obstinada recusa geral em discutir o Fenômeno UFO de maneira respeitosa indicaria que, no fundo, a humanidade tem um forte motivo psicológico para recusar a hipótese de vida extraterrestre. Trata-se, para usar a terminologia de Freud, da quarta “ferida narcísica”, o quarto ataque à importância do homem no universo.

Conforme o texto de Freud, a humanidade enfrentou três golpes decisivos em sua auto-imagem: a revolução copernicana, que retira nosso planeta do centro do universo, o darwinismo, que retira o homem do centro da vida e a psicanálise, que retira a consciência do centro do psiquismo.

Por fim, a hipótese de vida inteligente fora da Terra poderia significar, para muitos, uma diminuição tão atroz quanto aquelas da dignidade do homem, pois concebe a possibilidade de formas de inteligência iguais ou até mesmo superiores à nossa. Evidencia que podemos não ser os únicos seres capazes de explorar e dominar as forças da natureza. Ou, mais radicalmente, pode mostrar que ainda somos cognitiva e tecnologicamente grosseiros, quando comparados com outras formas de existência.

De resto, o teor quase zombeteiro de tais reportagens só vem confirmar que, quando se trata dos fenômenos ufológicos, há sempre uma recusa em levar a sério o assunto e discuti-lo sensatamente. É mais fácil rir, pois o riso é a forma contemporânea de censura. E, a ridicularização descarada, a fogueira na qual queimamos nossos hereges.

Por outras razões, também Copérnico temeu a divulgação de suas convicções astronômicas. É sabido que Darwin sofreu resistências de todo tipo. E a psicanálise, por muitos anos, foi assunto de bastidores e jamais de congressos acadêmicos oficiais.

A Ufologia, atualmente, percorre o mesmo caminho pedregoso, impregnado de preconceitos, que um dia pode levá-la a um reconhecimento mais maduro. Talvez, num futuro não muito distante, o homem terá enfim a coragem para encarar de frente o enigma do universo em que habita.

Este assunto está na edição 170 da revista UFO.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Estudantes relatam aparição de Ufo



Relato de avistamentos que ocorreram na Serra do Jordão, em Sobral, Ceará.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Reunião de Novembro do CSPU tem local definido

Foi divulgado pelo Presidente do Centro o local da nossa próxima reunião, será no auditório da Empresa Eletromil.
As pautas ainda não forma definidas, mas já se encontra em poder do Centro alguns materiais que serão expostos e analisados e novos depoimentos, o que já promete ser mais uma reunião bem movimentada e interessante, da mesma forma que as anteriores.
Informamos que as reuniões do CSPU são abertas a toda população e não cobramos qualquer tipo de taxa ou contribuição pecuniária, apenas a participação e alegria de todos.

Local: Auditório da empresa Eletromil - Rua Cel. Diogo Gomes, 1302, Centro, defronte ao Banco do Brasil

Data: 26/11/2010 - sexta-feira

Horário: 19h

O Câmera Record falou sobre os Óvnis


Mistério no ar
O jornalístico temático da Rede Record, nesta semana, mostra vídeos impressionantes com registros de Óvnis e respostas a muitas dúvidas sobre um tema que assombra.
Uma dúvida que intriga a humanidade há milênios. Uma busca incansável do desconhecido. Afinal, estamos sozinhos no universo? Existe vida além da Terra? E se existe, será que já fomos visitados?
O programa Câmera Record desta semana investiga o fascinante e polêmico campo da ufologia. O que há de fato e de mito sobre os ETs? Quem são os brasileiros que dizem já ter visto um extraterrestre? É possível transformar a paixão pelo assunto num negócio de outro mundo? Os repórteres têm acesso aos documentos oficiais da Aeronáutica. O que dizem estes registros? Há dados concretos sobre visitas extraterrestres?
Ceará: o estado brasileiro com o maior número de relatos ufológicos. Nossa equipe rastreia o sertão em busca de depoimentos de quem diz ter ficado frente a frente com um ser de outro planeta. Será verdade? De onde vem tanta riqueza de detalhes nos relatos. É possível acreditar em abdução?
Haifa, Israel. Por que pesquisadores acreditam que esta praia na Terra Santa seja um aeroporto espacial?
Por: Elenilton Roratto

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Reportagem na Rede Record

Não percam hoje no Câmera Record, A reportagem sobre Seres Extra-terrestres da qual o CSPU fez parte, A partir das 0:15hs , logo após do programa A Fazenda.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Cópia de Ovelhas sem olhos e linguas

ANIMAIS SÃO ENCONTRADOS SEM OLHOS E LÍNGUAS NA SERRA DO ROSÁRIO JORDÃO SOBRAL

CABRA1-300x224 Um fato inusitado registrado pelos moradores na localidade de Disterro, Jordão, Sobral, Região Norte do Estado, vem intrigando e causando medo aos moradores de toda região, dois animais foram encontrados dentro de suas propriedades com os olhos e línguas arrancados.

Na manhã do dia 30 de outubro de 2010, o jovem agricultor Marcelo, que já procurava os animais há alguns dias, encontrou os referidos animais mortos, um Bode e uma Cabra, sem Olhos e sem a Língua.
Mais informações acompanhe o vídeo:

fonte: Sobral portal de notícia

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Dia 28/10/2010 aconteceu mais um contato ufológico em Sobral

Francisco Josué do Nascimento Gomes, de 24 anos, casado e ensino médio incompleto, residente na Rua da Tubiba, 712- Sobral.
Vinha de Groaíras para Sobral, próximo ao Presídio quando passou sobre ele uma luz maior que uma antena parabólica. Depois de se distanciar um pouco, voltou em sua direção. Quando Josué viu ela parar, diminuiu a marcha e quando ela se aproximou ele desligou a moto, deitou ela e procurou a proteção das árvores, deitou-se e esperou ela passar. Disse Josué, que permaneceu ali de cabeça baixa por uns sete minutos, depois de ela passar por cima dele, não ficou observando para onde ela foi, porém ainda viu ela passar por cima dele, seguindo outra direção. O objeto luminoso era de duas cores e giravam em espiral, sendo uma amarela e outra laranja. O fato aconteceu por volta das 18:30h. O fato curioso é que ele faz o percurso de Groaíras a Sobral em aproximadamente 40 minutos e ele só chegou em casa por volta das 22:00h e só deu uma pequena parada após o acontecido, antes de chegar em casa. Contou que ficou muito nervoso e chegou a chorar em casa, após contar para esposa Júlia.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Comercial Interessante

O que os EUA escondem?

Alguém já ouviu falar neste programa chamado de SAFEGUARD PROGRAM, literalmente PROGRAMA DE PROTEÇÃO, um sistema de instalações de segurança do Governo Americano, situado em Nekoma, North Dakota, desenvolvido nos anos 60 e destinado à proteção antibalística - ou seja, além de uma poderosa estação de rastreamento por radares, armazenamento e mísseis retaliatórios para fins de defesa dos EUA em caso de um "ataque inimigo"! 

Dali, isto é, diretamente dos seus silos subterrâneos, poderiam ser lançados naquela distante época os mísseis nucleares Minuteman, Spartan e Sprint. Dizem,  para se ter uma idéia o local é protegido por sensores do tipo esferas espalhadas a dezenas de quilômetros.


Este lugar faz lembrar um pouco do Egito, a pirâmide e suas torres (coluna)


Agora um fato interessante ao me referir ao Egito, não que eu seja um perseguidor e fanático pela verdade, mas com elas juntam e formam o quebra-cabeça. Notoriamente este símbolo que vocês estão vendo, é um símbolo egípcio. Veja a figura debaixo:

Será que estamos com a nossa cabeça na lua, ao ponto de dizer que estes "hóspedes" poderiam estar morando neste local, e porque não? Já que este local é totalmente subterrâneo?

Notem a presença dos sensores, são dezenas dela espalhada pelo local, chamados de perimetrais, claro que um pouco mais avançado.

Fontes:
http://sociedadeufologicadesorocaba.blogspot.com/2010/10/o-que-os-estados-unidos-escondem.html

O que afirmava Zecharia Sitchin (falecido em 09/10/2010)

Os deuses Anunnaki acreditavam em um Criador universal

Pesquisador diz que se atreverá a pronunciar seus resultados só quando esteja absolutamente seguro de que encontrou a resposta correta

Nos princípios dos anos 80, uma série de livros saíram à luz propondo uma nova visão da criação humana. Idéias as quais nos mostravam que nunca estivemos sozinhos no universo e que nossa evolução tem sido levada da mão de algumas entidades que se propuseram criar por uma razão, que hoje ainda desconhecemos.
O famoso astro-arqueólogo e autor Zecharia Sitchin foi a pessoa que, através da tradução de registros e textos dos antigos sumérios, babilônios etc, encontrou a chave perfeita para poder entender a origem da humanidade, a combinação para decifrar mistérios que sempre nos rondaram e conhecer a realidade que se esconde por trás da cada mito e lenda nas culturas antigas. Mais detalhes podem ser encontrados em seu site pessoal.
Nós tivemos a sorte de poder falar com ele e, antes de começar a entrevista, já deixou muito claro: "Não estamos sozinhos. E não me refiro ao universo. Não estamos sozinhos em nosso próprio Sistema Solar."
Toda esta busca e os livros que escreveu, como afetou a sua vida como pensador, como pessoa? Tudo começou quando era estudante, no colégio, me perguntando o por que da palavra Nefilim, que significa "Aqueles que baixaram do céu", que foi traduzido no capítulo seis do Gênesis, como gigantes. Me levou 30 anos de buscas para encontrar a resposta, eles eram os Anunnaki sumérios, quando compreendi isso escrevi por cinco anos O 12º Planeta [Best Seller, 1978]. O alcance de minha busca expandiu-se, meu próprio entendimento dos textos antigos e as ilustrações incrementou-se. Viajei a praticamente todos os lugares do antigo mundo (exceto Iraque) e o novo mundo, vi monumentos, esculturas e símbolos por mim mesmo. Consegui conhecimentos em história, astronomia, genética etc e comecei a comparar todos os dados que já tinha com as descobertas atuais. Já não voltei mais a perguntar as coisas que me perguntava no colégio...
Para alguém não familiarizado com suas teorias, qual é a mensagem e no que se centram? Podemos resumir nestas palavras: Existe um planeta a mais em nosso Sistema, não a anos-luz de nós, no qual existe vida inteligente.
Os chamados Anunnaki? Sim, aos que os sumérios chamaram Anunnaki, que significa "Aqueles do céu que à Terra vieram".
Portanto os Anunnaki vieram à Terra de Nibiru, o planeta do que nos fala em seu primeiro livro, O 12º Planeta? Sim, começaram suas idas e vindas há 450.000 anos, visitando-nos a cada 3.600.
Portanto, o título surgiu a partir de suas descobertas? Segundo os sumérios, nosso Sistema Solar tem 12 membros, o Sol, a Lua, e dez, não nove, planetas. Este sistema solar, com o sol no centro, está delineado em um selo cilíndrico datado de 4.500 anos atrás, foi encontrado por um arqueólogo e está em um museu de Berlim. O 12º membro do sistema, se chamou Nibiru, o planeta de trânsito. Seu símbolo é a cruz. Tem uma grande órbita elíptica, como um cometa e se acerca a nossa vizinhança, entre Marte e Júpiter, a cada 3.600 anos aproximadamente.
Como conseguiu saber disso? A civilização suméria apareceu, sem precedentes, faz 6.000 anos, no que hoje conhecemos como Iraque meridional. Este acontecimento, o florescimento sumério, se deu com praticamente todos os princípios que são essenciais em uma civilização avançada em tecnologia, artes, estruturas sociais etc. Um deles foi a escritura, registrando absolutamente tudo em tábuas de argila com o que chamamos escritura cuneiforme. Por exemplo, os casamentos e divórcios, transações comerciais, oferendas aos templos, taxas etc. Em tabelas maiores, escreveram literatura (contos heróicos, poemas, provérbios) e também os registros históricos e pré-históricos. Um dos textos mais longos, escrito em várias tábuas, é o chamado Enuma Elish ou A Epopéia da Criação, que nos conta a história como no livro bíblico do Gênesis. Outros textos registraram como os Anunnaki chegaram à Terra, como era seu líder, etc.
Poderíamos dizer, então, que parte da Bíblia é parte da história ancestral suméria? A Bíblia consiste em muitos livros, compassando acontecimentos durante milênios. A comparação perfeita seria entre o Gênesis em seus primeiros capítulos e os textos mesopotâmicos: de como o céu e a terra chegaram a se criar, como se desenvolveu a vida, como foi criado Adão e os acontecimentos desde o Éden a Noé, o herói do dilúvio. De fato, o relato do dilúvio aparece em uma tabela mesopotâmica milhares de anos antes que no Velho Testamento em sua versão hebraica.
E em outras culturas antigas, como a egípcia? Ainda que parecesse que os deuses venerados pelos egípcios eram totalmente diferentes dos sumérios e os babilônios, de fato eram os mesmos Anunnaki. Explico-me. A deidade chamada Ptah, na mitologia egípcia, não era outra senão a suméria Enki, que se dirigiu ao primeiro grupo que veio à Terra e liderou com sucesso a engenharia genética que fez que passássemos dos hominídeos ao Homo Sapiens. No Egito, este deus tem o mesmo papel. Outro exemplo, seu filho, o grande deus Rá, era o mesmo que o Filho de Enki, Marduk (na mesopotâmia). Thoth, o arquiteto divino e guardião dos segredos dos deuses, conhecido em sumério como Ningishzidda, e assim mais e mais.
Portanto falam igualmente de um longínquo planeta? Sim, os antigos egípcios falam do "planeta do milhão de anos", uma maneira diferente de nomear a Nibiru. É o planeta no qual os faraós tinham esperança de ir ao morrer, para encontrarem com os deuses em seu próprio planeta e ter a imortalidade. A mitologia egípcia e a viagem faraônica à outra vida é o argumento de meu segundo livro, A Escada para o Céu [Best Seller, 1980], mostrando e explicando textos e ilustrações para demonstrar isso.
E o que ocorreu com as demais civilizações antigas? É muito curioso, porque quando se decifra o significado de alguns dos nomes de vários deuses dos hititas, dos assírios, cananeus etc, no antigo mundo encontramos nomes diferentes, mas que significam exatamente o mesmo em todos e a cada uma de suas linguagens. O mesmo que ocorria no tempos antigos das bem mais recentes civilizações americanas. Em meu livro Os Reinos Perdidos mostro as conexões, similaridades e determino as datas do princípio delas. Exponho, por exemplo, que o deus supremo da América Central, Quetzalcoalt (cujo nome significa "A serpente alada"), não é outro senão o deus egípcio Thoth e que a primeira civilização na América Central, os Olmecas, de aparência africana, começaram precisamente em 3.113 a.C., quando o mito conta que Thoth foi expulso do Egito.
Neste momento, onde estaria o 12º planeta? O que posso dizer com plena segurança, é que está de regresso para nós.
Prelúdio do tão anunciado final dos tempos que alguns datam para 2012? Não tenho dados corretos para poder dizer com segurança em que se baseia a idéia, algumas delas vêm a minha cabeça, mas não acho que sejam totalmente corretas. O que posso realçar é que a data de 2012 está baseada no calendário Maia (é mais correto dizer calendário Olmeca). Nesse ano (ou algo depois, dependendo como se calcule) a unidade de tempo chamada Baktum completará 13 circunferências. Isto é significativo? Há diferentes opiniões a respeito, mas como eu baseio minha busca nos textos e dados antigos, tanto proféticos como em textos com observações astronômicas no ultimo milênio a.C., me atreverei a pronunciar meus resultados só quando esteja absolutamente seguro de que encontrei a resposta correta.

Já que falou de profecias e textos antigos, vamos mudar de campo e marchar para o que os pesquisadores pensam de suas investigações, porque conhecem suas idéias, mas por que surpreende tanto seu ponto de vista? Claro que sabem, mas denominam a esses textos de lendas e mitos, tratam a informação como mitologia imaginada. Eu insisto lhes dizendo com contundência: Não, tudo isto ocorreu realmente.
Está tão seguro desta afirmação? Sim, certamente. Desde que escrevi meu primeiro livro, cada descoberta científica ocorrida em cada campo (astronomia, biologia, geologia, exploração espacial) foi corroborado nos textos antigos (como eu os entendo). Em astronomia, a existência do cinturão de asteróides, a explicação de nossa Lua, a basculação de Urano etc, se corrobora no Enuma Elish. A decodificação do genoma humano estabeleceu que temos 223 genes "alienígenas", corroborando por sua vez a engenharia genética detalhada nos textos antigos, e poderíamos continuar ainda mais.
Mais ainda? Mas conte algo inovador que não conheçamos. O que é novo, constantemente nova, é nossa visão do passado. Quando alguém olha uma pintura antiga de dois homens-águia (astronautas) saudando a um objeto com forma de foguete, hoje podemos dizer "É um foguete". Há cem anos, alguém (eu mesmo) diria "Estão venerando um lápis muito longo". Os textos descrevem-nos com detalhes a engenharia genética, começando a dizer que a "essência" disso foi misturada com aquilo, soa a conto de bruxas. Agora que temos decodificado o genoma humano, assumimos com precisão o significado científico. Trato sobre isso em meu livro O Código Cósmico [Best Seller, 2003]. Somos prisioneiros de nossa própria tecnologia. Os sumérios escreveram que existiam pequenos objetos que guardavam os segredos científicos. Hoje em dia eu os comparo com objetos atuais. Eles falavam de chips de computadores, porque nós podemos comparar essa explicação com a tecnologia que empregamos nos chips. Quem pode dizer se em 10 ou 15 anos, esta comparação seja substituída, provavelmente, por computadores de DNA?
Esta é sua última investigação? Sim, existe uma constante melhora do entendimento dos dados de outrora, tendo em conta as contínuas descobertas semanais. Entre a investigação e escritura de meus livros, dou seminários e conferências. Mas agora estou interessado em algo que preocupa a maioria das pessoas, do qual falei anteriormente, a confusão no mundo sobre o prelúdio do regresso.
Já que tem decifrado o mistério dos deuses, para você quem são? Em meus livros Encontros Divinos, O Código Cósmico e O Livro Perdido de Enki, deixo claro que sempre existiu o reconhecimento de uma autoridade maior, um criador além da criação do homem, um criador de um universo inteiro. Os deuses Anunnaki acreditavam em um Criador universal. Eu também.
Quer dizer que todos, ao final, veneramos o desconhecido? Pode dizer assim, sim.

Portal da Ufologia Brasileira

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Ataques a animais são avaliados pelo CSPU

Ufólogos de Sobral são os mais interessados em desvendar mistério sobre a morte de animais na Zona Norte do Estado.
O mistério sobre os ataques às ovelhas na zona rural do Município de Cruz, distante 90km de Sobral, ainda continua sem explicação. Pelo menos é o que contam os agricultores que tiveram alguns animais que sofreram anomalia com ataque e acabaram morrendo.
Uma equipe do Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU) esteve na região entre os municípios de Cruz e Bela Cruz, para ouvir relatos de pessoas das localidades onde os animais foram atacados. "Descartamos qualquer possibilidade do ataque ter sido ocasionado por outro animal, pelo fato das ovelhas mutiladas não apresentarem sinais de que tenham lutado para evitarem o ataque", disse o presidente da CSPU, Jacinto Pereira.

O material coletado junto aos animais vitimados será objeto de pesquisa e foi tema central do encontro realizado na noite de ontem em Sobral, com integrantes do CSPU, que fizeram um estudo nas ovelhas, nos ambientes onde os exemplares eram criados, bem como dos fatos ocorridos na região onde exatos 25 animais, dentre ovinos e caprinos, apareceram sem os olhos.
Os relatos dos criadores são fundamentais para a busca de desvendar o mistério. No entender dos pesquisadores do Centro, trata-se de casos de crueldade praticada com instrumentos cirúrgicos de altíssima precisão.
"Nos animais que ainda não foram sacrificados, percebe-se que o corte para a extração do globo ocular foi realizado com um instrumento muito afiado, pelo fato de ter cortado parte do crânio do animal e ter deixado o fibramento do tecido ósseo exposto", destaca Jacinto Pereira. Nas delegacias de Polícia de Cruz e Bela Cruz, até o fim da tarde de ontem, não havia registros de Boletins de Ocorrências (B.O.) comunicando o ataque e morte desses animais.
O fato dos animais terem alguns ferimentos na parte lombar, não configura ataque de animais como guaxinim, tamanduá, cachorro, raposa, carcará ou até mesmo onça não identificam os ataques. Cada animal citado, tem uma peculiaridade em seus ataques a outros animais ou a presas.
A análise da equipe constatou também que os animais não perderam sangue e não apresentaram aspecto de luta contra os agressores. Na avaliação dos criadores, isto também não pode ser tratado como um surto ou epidemia de uma doença qualquer.
Prejuízo
"Se fosse alguma doença que viesse cair os olhos do animal, a gente encontraria esta parte em qualquer lugar. O pior é que as partes extraídas dos animais não foram encontradas no local onde os animais estavam", disse o agricultor Manuel Messias, que teve o maior número de animais atacados.
A propriedade em que houve perda no rebanho fica próximo à Lagoa dos Espinhos, distante 10km de Cruz.
Enquanto não há uma explicação para a agressão e morte contra os animais nos Municípios da Zona Norte, cresce as especulações em torno do caso. Até agora, somente os ufólogos têm demonstrado mais interesse em avaliar o problema, por meios de fotos e relatos.
MAIS INFORMAÇÕES
Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU)- Zona Norte Fone. (88) 9921.0172
Fotos. Elenilton Roratto
Matéria. Fonte. Blogspot. CSPU. Wilson Gomes

sábado, 30 de outubro de 2010

Ataques a animais são avaliados por ufólogos

Ufólogos de Sobral são os mais interessados em desvendar mistério sobre a morte de animais na Zona Norte do Estado

Sobral. O mistério sobre os ataques às ovelhas na zona rural do Município de Cruz, distante 90km de Sobral, ainda continua sem explicação. Pelo menos é o que contam os agricultores que tiveram alguns animais que sofreram anomalia com ataque e acabaram morrendo.
Uma equipe do Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU) esteve na região entre os municípios de Cruz e Bela Cruz, para ouvir relatos de pessoas das localidades onde os animais foram atacados. "Descartamos qualquer possibilidade do ataque ter sido ocasionado por outro animal, pelo fato das ovelhas mutiladas não apresentarem sinais de que tenham lutado para evitarem o ataque", disse o presidente da CSPU, Jacinto Pereira.
O material coletado junto aos animais vitimados será objeto de pesquisa e foi tema central do encontro realizado na noite de ontem em Sobral, com integrantes do CSPU, que fizeram um estudo nas ovelhas, nos ambientes onde os exemplares eram criados, bem como dos fatos ocorridos na região onde exatos 25 animais, dentre ovinos e caprinos, apareceram sem os olhos.
Os relatos dos criadores são fundamentais para a busca de desvendar o mistério. No entender dos pesquisadores do Centro, trata-se de casos de crueldade praticada com instrumentos cirúrgicos de altíssima precisão.
"Nos animais que ainda não foram sacrificados, percebe-se que o corte para a extração do globo ocular foi realizado com um instrumento muito afiado, pelo fato de ter cortado parte do crânio do animal e ter deixado o fibramento do tecido ósseo exposto", destaca Jacinto Pereira. Nas delegacias de Polícia de Cruz e Bela Cruz, até o fim da tarde de ontem, não havia registros de Boletins de Ocorrências (B.O.) comunicando o ataque e morte desses animais.
O fato dos animais terem alguns ferimentos na parte lombar, não configura ataque de animais como guaxinim, tamanduá, cachorro, raposa, carcará ou até mesmo onça não identificam os ataques. Cada animal citado, tem uma peculiaridade em seus ataques a outros animais ou a presas.
A análise da equipe constatou também que os animais não perderam sangue e não apresentaram aspecto de luta contra os agressores. Na avaliação dos criadores, isto também não pode ser tratado como um surto ou epidemia de uma doença qualquer.
Prejuízo

"Se fosse alguma doença que viesse cair os olhos do animal, a gente encontraria esta parte em qualquer lugar. O pior é que as partes extraídas dos animais não foram encontradas no local onde os animais estavam", disse o agricultor Manuel Messias, que teve o maior número de animais atacados.
A propriedade em que houve perda no rebanho fica próximo à Lagoa dos Espinhos, distante 10km de Cruz.
Enquanto não há uma explicação para a agressão e morte contra os animais nos Municípios da Zona Norte, cresce as especulações em torno do caso. Até agora, somente os ufólogos têm demonstrado mais interesse em avaliar o problema, por meios de fotos e relatos.
MAIS INFORMAÇÕES

Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU)
Zona Norte
(88) 9921.0172
WILSON GOMES
COLABORADOR

Ataques a animais são avaliados por ufólogos

Ufólogos de Sobral são os mais interessados em desvendar mistério sobre a morte de animais na Zona Norte do Estado

Sobral. O mistério sobre os ataques às ovelhas na zona rural do Município de Cruz, distante 90km de Sobral, ainda continua sem explicação. Pelo menos é o que contam os agricultores que tiveram alguns animais que sofreram anomalia com ataque e acabaram morrendo.
Uma equipe do Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU) esteve na região entre os municípios de Cruz e Bela Cruz, para ouvir relatos de pessoas das localidades onde os animais foram atacados. "Descartamos qualquer possibilidade do ataque ter sido ocasionado por outro animal, pelo fato das ovelhas mutiladas não apresentarem sinais de que tenham lutado para evitarem o ataque", disse o presidente da CSPU, Jacinto Pereira.
O material coletado junto aos animais vitimados será objeto de pesquisa e foi tema central do encontro realizado na noite de ontem em Sobral, com integrantes do CSPU, que fizeram um estudo nas ovelhas, nos ambientes onde os exemplares eram criados, bem como dos fatos ocorridos na região onde exatos 25 animais, dentre ovinos e  caprinos, apareceram sem os olhos.
Os relatos dos criadores são fundamentais para a busca de desvendar o mistério. No entender dos pesquisadores do Centro, trata-se de casos de crueldade praticada com instrumentos cirúrgicos de altíssima precisão.
"Nos animais que ainda não foram sacrificados, percebe-se que o corte para a extração do globo ocular foi realizado com um instrumento muito afiado, pelo fato de ter cortado parte do crânio do animal e ter deixado o fibramento do tecido ósseo exposto", destaca Jacinto Pereira. Nas delegacias de Polícia de Cruz e Bela Cruz, até o fim da tarde de ontem, não havia registros de Boletins de Ocorrências (B.O.) comunicando o ataque e morte desses animais.
O fato dos animais terem alguns ferimentos na parte lombar, não configura ataque de animais como guaxinim, tamanduá, cachorro, raposa, carcará ou até mesmo onça não identificam os ataques. Cada animal citado, tem uma peculiaridade em seus ataques a outros animais ou a presas.
A análise da equipe constatou também que os animais não perderam sangue e não apresentaram aspecto de luta contra os agressores. Na avaliação dos criadores, isto também não pode ser tratado como um surto ou epidemia de uma doença qualquer.
Prejuízo

"Se fosse alguma doença que viesse cair os olhos do animal, a gente encontraria esta parte em qualquer lugar. O pior é que as partes extraídas dos animais não foram encontradas no local onde os animais estavam", disse o agricultor Manuel Messias, que teve o maior número de animais atacados.
A propriedade em que houve perda no rebanho fica próximo à Lagoa dos Espinhos, distante 10km de Cruz.
Enquanto não há uma explicação para a agressão e morte contra os animais nos Municípios da Zona Norte, cresce as especulações em torno do caso. Até agora, somente os ufólogos têm demonstrado mais interesse em avaliar o problema, por meios de fotos e relatos.
MAIS INFORMAÇÕES

Centro Sobralense de Pesquisas Ufológicas (CSPU)
Zona Norte
(88) 9921.0172
WILSON GOMES
COLABORADOR

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Presença de Ufos alerta população no Pará

Quatro comunidades ficaram em estado de apreensão
Categoria: JORNALISMO UFOLÓGICO


A rotina costumeiramente pacata de quatro comunidades pertencentes ao município de Santo Antônio do Tauá, distante 56 km de Belém (PA), foi perturbada por um fenômeno surpreendente. Dois objetos voadores não identificados foram avistados por dezenas de pessoas na noite de segunda-feira e início da madrugada de terça, dia 26.

Muito mais que surpresa, a aparição dos Ufos causou medo e assustou a maioria dos moradores das comunidades de Santa Rita, Tracuateua, Remédios e Tracuateua da Ponta, localizadas no ramal do Km 23 da PA-140.

A noite de 25 de outubro de 2010 dificilmente vai ser esquecida por parte das 140 famílias da comunidade Remédios, que presenciaram o fenômeno. Por volta das 22h30, Manoel da Conceição Lopes, o “Santos”, foi chamado pelo filho para ver algo estranho que sobrevoava a mata localizada atrás de sua residência.

Um fato curioso ocorreu no momento em que alguns avistaram os objetos, que pairavam sobre a cobertura das árvores. “As televisões saíram do ar. Ficou só o chuvisco. Quando fui ver, pensei que eles iam descer na piçarreira. Vi dois objetos e eles não faziam barulho de avião. Um deles seguiu e se afastou. O outro deu a volta por trás da mangueira, depois voltou em direção do outro e foram embora”, relatou Manoel Conceição.

Essa primeira aparição foi assistida por pelo menos 10 pessoas que se encontravam em suas casas e outras na rua, conversando. Luan Carlos Conceição Costa, de 17 anos, foi quem descreveu com mais clareza os Ufos. “Tinha uma luz forte, parecia um farol, e mais em cima luzes piscando e girando em volta. Fazia um barulho de motor falhando. Pensamos que era um avião falhando, depois sumia e aparecia em outros lugares. As luzes apagavam e apareciam em outro lugar”, disse o adolescente.

Perseguição - Luan contou que dois moradores da comunidade saíram correndo atrás dos artefatos, tentando acompanhá-los e ver para onde seguiriam. Após se afastarem alguns metros, um dos Ufos girou no próprio eixo e jogou um foco de luz em direção aos dois rapazes. Assustados, correram de volta para a comunidade, mas ainda viram os objetos se afastando em direção à mata que circunda a área. Os jovens não foram localizados, pois estavam trabalhando no município vizinho de Santa Izabel do Pará.

Na localidade de Tracuateua da Ponta, Augusto Souza, de 25 anos, conhecido na comunidade como “Lequito”, estava pescando em um porto do rio Tauá, com três amigos. Já passavam das 21h30 quando eles foram surpreendidos com a passagem de um “avião” sobre as árvores e depois sobre o rio. “Era uma luz muito forte, como um farol. Tinha luzes vermelhas na lateral que ficavam girando. Passou e voltou novamente. Uma hora a luz ‘encandiou’ a gente e fazia um barulho intenso, mas não era de avião”, recordou Lequito.

Animais assustados - Ainda em Tracuateua da Ponta, o professor Nazareno Correa contou que os animais, a maioria cães, se assustaram ao avistarem o fenômeno. Ele também chegou a pensar que se tratava de um avião, mas as manobras realizadas pelos objetos não são compatíveis com a movimentação de uma aeronave de pequeno porte, diz o professor.

Correa foi chamado pela mulher para ver o objeto que passava pouco acima de uma torre de transmissão que existe na comunidade. “Ainda disse: mulher, esse avião vai cair e está procurando rota para pousar", mas ia devagar. "Não dava para ser avião”, acredita o professor.

Ele também descreveu o avistado por ele e pelos familiares. “Tinha uma luz forte. A base arredondada era brilhante e havia sete luzes amarelas e três vermelhas que ficavam piscando em um movimento circular constante. Em um avião as luzes são fixas”, compara o professor.

Ele disse ainda que o que mais estranhou foi o comportamento dos animais da redondeza. “Os cachorros latiam, os galos e galinhas faziam barulho. Mas o mais curioso foram os galos, que costumam cantar no início da manhã mas passaram a cantar quando o objeto passou por aqui”.
Portal da Ufologia Brasileira, link: http://www.ufo.com.br/noticias/presenca-de-ufos-alerta-populacao-no-para/
Grande abraço;
Paulo R. Poian.

Gevaerd fala sobre trabalho do CSPU

O Editor-Chefe da Revista UFO, a maior e mais séria publicação em ufologia do país, A. J. Gevaerd, enviou para o CSPU um depoimento sobre a causuística em nossa região.
Em formato MP3, a fala de Gevaerd só nos traz incentivo e mais uma vez comprova a seriedade do grupo.
Este áudio será colocado para os presentes na reunião mensal do CSPU, hoje, 19h no auditório do SESC/Sobral, na Praça São Francisco, com entrada franca.
Escute o depoimento clicando na seta: