quarta-feira, 28 de maio de 2014

Novo livro da NASA tenta ensinar a nos comunicar com aliens. Ficou curioso? Disponibilizamos o livro para você

 

 

Considerando que um dia poderemos nos comunicar com alienígenas, uma pergunta que vem à tona é: como iremos falar com eles? Esse é o tema de um novo livro da NASA chamado Archaeology, Anthropology and Interstellar Communication (Arqueologia, Antropologia e Comunicação Interestelar, em uma tradução livre). O livro deixa de lado a astrofísica e ciência da computação para explorar como arqueólogos e antropólogos têm abordado as comunicações interculturais entre as culturas humanas e como essas técnicas e análises poderiam contribuir para a compreensão de uma mensagem de uma cultura de fora da Terra. Entre as várias análises de especialistas, uma observação feita é a de que precisaríamos pensar que um mundo alienígena também poderia apresentar muitas diferenças, a exemplo do que ocorre no nosso planeta.

"De fato, grande parte da literatura sobre contato com a inteligência extraterrestre assume que uma civilização alienígena será culturalmente unificada, ao contrário do nosso próprio mundo", escreve John Traphagen em seu capítulo sobre " Cultura e Comunicação com Inteligência

Extraterrestre", que explora definições de cultura e os limites de "linguagens comuns" como a matemática ou tecnologias na criação de entendimento intercultural.

Some a isso “a alta probabilidade de que seres alienígenas podem ter órgãos sensoriais que são bastante diferentes dos nossos e, portanto, podem processar e traduzir essa experiência em quadros culturais de uma maneira diferente da nossa ", Traphagen escreve.

Mas, se você não acredita que esse tipo de conhecimento poderá um dia ser usado diante da presença de alienígenas, o livro também vale a leitura por suas boas e concisas histórias que envolvem o contexto político e institucional do Search for Extra Terrestrial Intelligence (SETI) - um projeto que trata sobre a busca de vida extraterrestre inteligente. Se você ficou curioso sobre a obra, baixe o livro Archaeology, Anthropology and Interstella Communication no formato que desejar abaixo:

Para Kindle   |   Para outros leitores de eBooks   |   Em PDF

 

- See more at: http://noticias.seuhistory.com/novo-livro-da-nasa-tenta-ensinar-nos-comunicar-com-aliens-ficou-curioso-disponibilizamos-o-livro#sthash.HEs7x0xR.dpuf

Fonte: http://noticias.seuhistory.com/novo-livro-da-nasa-tenta-ensinar-nos-comunicar-com-aliens-ficou-curioso-disponibilizamos-o-livro

Convite para a Reunião Plenária mensal do CSPU/Maio

Fotomontagem do Centro Brasileiro de Ufologia

Na próxima sexta feira 30, estaremos mais uma vez reunidos para socializarmos as últimas noticias relacionadas à Ufologia. Depois dos informes abriremos o debate que como tema inicial o caso do aparecimento do Óvni de Fátima em Portugal. Para muitos foi Nossa Senhora e Jesus. Para os Ufólogos, foi um caso ufológico riquíssimo em manifestações.Vejamos: Aparecimentos com datas marcadas, movimentação do Óvni fazendo evoluções, interferência nas condições, fazendo chover e secando as pessoas, lançando pétalas de flores e fazendo barulho e determinado momento e em pleno silêncio em outro. Muitos consideraram que fosse o sol que baixou e isso é uma coisa impossível de acontecer. Quem fará a exposição para conceituar o debate será nosso companheiro Jânder Magalhães, um enfermeiro, professor e ufólogo.

O local: Sala l da CDL de Sobral, que fica situado na Rua Dr. João do Monte 826, no Centro, Sobral-CE. Ao do SAAE e próximo à Praça do Bosque. A entrada é franca. Mais informações pelo celular: 88 99210172.

Por Jacinto Pereira 

OVNIS em Santa Quitéria

 

Por Humberto Sales

25/05/2014 - Por volta das dez horas da manhã, populares do Bairro Boa vida presenciaram um raro fenômeno ainda não explicado. O dia estava claro e não havia nuvens, o Sol irradiava intensa luz e calor quando, de repente, um objeto surgiu do nada e teve início uma bela sessão de piruetas não definidas. O OVNI ficou parado por alguns minutos, tempo suficiente para que o morador das imediações Chagas Lima usasse seu telefone móvel com câmera de média resolução para fazer alguns registros fotográficos.

Diante da luz do dia não foi possível registrar se o objeto emitia alguma luz, mas podemos notar que sua forma era arredondada como um “prato branco” afirmou a testemunha ocular que abismada registrou em fotografias o fenômeno.

As fotos foram analisadas por aplicativos específicos e passadas por vários filtros com o objetivo de detectar detalhes do objeto que olho humano não consegue captar. O resultado da análise mostra que o objeto em questão é sólido e desconhecido.

Levantamos a hipótese se seria um avião ou balão, mas os fatos e as fotos demonstraram que não era nenhum desses artefatos. Poderia também ser um drone (pequeno equipamento aéreo dirigido por controle remoto) que fazia a cobertura cinematográfica de uma apresentação de motociclistas próximo ao centro da cidade. Essa hipótese foi também descartada, pois o drone sobrevoou somente o evento motociclístico próximo ao Parque de Vaquejadas.

Estamos em vigília à espera de maiores detalhes, testemunhas, imagens etc. para maiores esclarecimentos. Nós pesquisadores nunca afirmamos que estes fenômenos são de natureza ufológica e também fica claro que não somos donos da verdade, mas os fatos estão aí e devem ser estudados com seriedade.
O mistério continua.
Depoimento de Chagas Lima
“Eu saí para resolver alguns problemas pendentes. Quando cheguei ao próximo ao comércio de Sr. Raimundo (...) vi vários urubus voando em círculos e vi também um objeto estranho branco parado entre os abutres. Um rapaz que estava próximo a mim disse que poderia ser uma sacola de supermercado sendo levada pelo vento... E o mais estranho disso tudo era que o objeto ficou parado e logo começou a fazer alguns movimentos diferentes de avião. Nessa hora tirei o celular do bolso e comecei a fotografar. De várias fotos que tirei, só algumas o objeto apareceu. Deste momento em diante foi embora rapidamente. Depois que tirei as fotos, algumas pessoas se aproximaram e comentaram que também estavam testemunhando o fenômeno. Muito estranho, muito estranho mesmo!”

http://3.bp.blogspot.com/-YwR9A6VEQws/UiydInkBk3I/AAAAAAAAQC0/BxIA2_tS87M/s1600/Rodap%C3%A9+Humberto.png

 

Fonte: http://www.avozdesantaquiteria.com.br/2014/05/ovnis-em-santa-quiteria.html

domingo, 25 de maio de 2014

Termos comuns na Ufologia

Abdução - Em inglês, abduction. Esse termo tornou-se comum a partir dos anos 80. Define o relato de uma pessoa levada contra a vontade para o interior de um disco voador, onde é submetida a exames clínicos e/ou experiências. Normalmente a testemunha não se lembra conscientemente do processo e dos exames, mas apresenta sinais físicos como perfurações, marcas de retirada de sangue e até supostos implantes. Um estudo desenvolvido pelo norteamericano Budd Hopkins, especialista em casos de abduções e autor do livro "Intruders" (Intrusos), afirma que esse tipo de contato já pode ter atingido 2% da população do mundo.


Agroglifos - Ver Crop Cicles/Círculos Ingleses


Area 51 - Área de acesso restrito localizada no Estado de Nevada, nos Estados Unidos, na região do deserto e à margem de um lago seco, o Groom Lake. Os ufólogos norte-americanos, baseados no depoimento de Robert Lazar, um cientista que afirma ter trabalhado numa base secreta ali instalada, supõem que para a Área 51 foram enviados os quatro alienígenas que teriam sido capturados em Roswell, em 1947, depois de um acidente envolvendo um UFO. O governo norte-americano não reconhece a existência da área, mas as placas indicativas de acesso proibido a pessoas não-autorizadas são taxativas: "NO TRESPASSING" (não ultrapasse) e "WARNING - MILITARY INSTALATION" (Perigo - Instalação Militar).


Autocinese - Ilusão que e causada ao observador quando este observa uma luz contra um céu escuro. Exemplo: Vênus. O observador pode pensar que a luz está em movimento, mas se observada por um periodo maior de tempo, verificar-se-a ser mesmo uma estrela ou algum outro tipo de luz (terrestre mesmo) - Contribuição: Pedro Cunha.


Casuística ufológica - O conjunto de ocorrências relacionadas ao Fenômeno UFO. O Grupo de "casos ufológicos" ao longo do tempo.


Charuto - Ver Naves Mãe


Chupacabras - O nome é originário do México e Caribe, regiões onde têm sido observadas com freqüência. São criaturas normalmente associadas ao fenômeno de mutilação de animais, além de, segundo diversos relatos, serem vistas sempre em regiões com intensa observação de UFOs. Ganharam esse nome por que uma das características dos animais supostamente mutilados por elas é que são encontrados sem sangue e sem qualquer marca que mostre para onde foi esse sangue. Há relatos de diversos tipos físicos dessas criaturas, mas a maioria aponta pelo menos duas características coincidentes: patas com três 'dedos' e garras grandes, e olhos grandes e muito vermelhos. Os ufólogos especulam serem EBEs sem um comportamento inteligente.


Chupa-Chupa - Fenômeno que despertou a atenção das autoridades brasileiras, sendo provavelmente o estopim da chamada Operação Prato. No Pará, Maranhão, Amazonas e Piauí, principalmente nos anos de 1977, 1978 e 1979, relatos davam conta de que objetos voadores não identificados estariam disparando raios de luz vermelha nas pessoas. Além do mal estar, em diversos casos as vítimas desse evento foram diagnosticadas como portadoras de anemia. Daí o nome do fenômeno que, acreditavam os moradores, sugava o sangue das pessoas atacadas.


Contato Imediato - Como são classificados os "encontros" com artefatos de origem não terrestre ou criaturas possivelmente alienígenas. Os contatos imediatos (CI*) são classificados, na Ufologia, de acordo com a complexidade e nível de aproximação, subdividindo-se em graus:
* CI de primeiro grau: quando a testemunha diz ter observado objeto não identificado a grande distância.
* CI de segundo grau: quando o UFO interage com o meio deixando provas físicas de sua passagem, como marcas de pouso no solo, minerais vitrificados devido a alta temperatura, efeitos colaterais nas testemunhas, como queimaduras o queda de cabelos (causados por radioatividade ou calor), interferencias eletromagnéticas em aparelhos eletrônicos etc.
* CI de terceiro grau: quando a testemunha diz ter estabelecido qualquer nível de comunicação com os ocupantes de um UFO
*Existem várias versões desta classificação, distinguindo comunicações telepáticas de comunicações convencionais, além de contatos diferenciados, como o relacionamento sexual com entidades extraterrestres. No entanto, tratam-se ainda de objetos de polêmica. Por isso elencamos aqui apenas uma classificação CI elementar -a mais objetiva e direta possível- internacionalmente aceita.


Crop Cicles/Circulos Ingleses - Formas circulares e geoméricas de grandes dimensões que surgem em áreas de plantação, observadas principalmente na Inglaterra, que alguns pesquisadores afirmam (embora sem provas concretas) estarem relacionadas ao Fenômeno UFO. Os caules da vegetação ficam torcidos num mesmo sentido, amassados, mas sem que sejam quebrados ou dobrados. Há alguns anos dois ingleses assumiram a autoria dos círculos e reproduziram o efeito de forma simplificada, levando mais tempo do que esperavam os pesquisadores. Assim, a polêmica continuou, sobretudo em função de a complexidade e o tamanho das formas terem aumentado ao longo do tempo, bem como em razão de seu aparecimento esporádico em outros países.


EBE - Entidade Biológica Extraterrestre. Classificação primária de todo tipo de criatura potencialmente não terrestre e diretamente relacionada ao Fenômeno UFO.


Grays (ou Cinzentos) - Como são chamadas as EBEs com as quais os relatos de Contato Imediato são mais mais freqüêntes. Não raro surgem como responsáveis pelos casos de suposta abducção. Pela morfologia, estão divididos em outras três subcategorias, denominadas A (mais freqüente, com cerca de 1 m a 1,4 m de altura), B (com 2,1m a 2,4m de altura) e C (com cerca de 1m de altura). Todos têm características semelhantes: olhos negros e grandes, mãos com três ou quatro dedos, cabeça grande e desproporcional ao corpo, cujo aspecto aproxima-se do esquelético. Estudo comparativo baseado nos relatos de supostos contactados indicam que os Grays tipo A e C apresentam comportamento mais hostil, indiferente ao sofrimento das vítimas de abdução. Ao contrário dos Chupacabras, supõe-se que sejam seres racionais.


Hipnose - Processo de alteração do nível de consciência que permite à pessoa a ele submetida recordar-se de informações armazenadas no subconsciente e que ela acredita ter vivido e serem verdadeiras. Trata-se de um tratamento alternativo à amnésia apresentada por supostas vítimas de abduções. Em geral só é aplicada por profissionais da área médica e requer cautela para evitar que o hipnólogo sugestione o hipnotizado, caso em que este poderia "criar" novos fatos e relatá-los como sendo verídicos.


Implante - Quando os primeiros casos de abducções começaram a surgir, os ufólogos verificaram que normalmente os supostos contactados relatavam um procedimento comum a quase todos os contatos: a introdução, pelos raptores, de um objeto minúsculo em alguma parte do corpo desses contactados. Por via cirúrgica, atraves da narina; ou subcutânea, na região da nuca ou do abdomem. A literatura ufológica relata centenas de casos onde o implante foi observado, através de raios X ou exames mais sofisticados, como tomografia computadorizada ou ressonância magnética. Esta mesma literatura, no entanto, não é definitivamente esclarecedora quanto à origem desses objetos, se efetivamente têm alguma função e, principalmente, não expõe laudos técnicos de profissionais da área médica sobre esse tipo de ocorrência. Nos últimos anos, a freqüência com que os pesquisadores afirmam encontrar implantes nas vítimas de abducção tem aumentado. Assim como também foi registrada uma "evolução tecnológica" do artefato: no princípio, os implantes supostamente encontrados eram constituídos de ligas metálicas. Hoje, a maioria não pode ser detectada por exames de raios X por serem, aparentemente, constituídos de material orgânico.


Lapso de tempo - Período de tempo do qual um contactado diz não lembrar. Está presente em 9 entre 10 relatos de abdução.


MIBs - Abreviação do inglês Men In Black, ou, Homens de Negro. Figuras que remontam os primórdios da Ufologia. Inicialmente eram relacionadas à ação das agências de inteligência norte-americanas. Os relatos informam que os homens de negro visitavam testemunhas de UFOs e as ameaçavam para que não contassem suas histórias. Aparentemente sua atividade caiu muito, mas ficou mais requintada: agora fala-se em "Helicópteros Negros", que apareceriiam em locais onde ocorreram avistamentos de UFOs. Uma variante dessa interpretação diz que os próprios MIBs são extratarrestres.


Naves-Mãe - UFOs de grandes dimensões que serviriam de ponto de partida para naves menores. Normalmente as Naves Mãe têm formato de charuto.


Naves Sonda - A Ufologia classifica como naves sonda objetos voadores de origem desconhecida, de variados formatos e tamanhos, mas normalmente com menos de 1 metro de diâmetro e luz própria. Geralmente são esféricos e apenas acompanham pessoas, carros ou aeronaves terrestres, sem interferir diretamente no meio. Acredita-se serem artefatos com objetivo de observação, remotamente controlados. No Folclore Brasileiro, assemelham-se às descrições da "Mãe D'Ouro", que os povos indígenas do norte do País acreditavam zelar pela mata.


Nuvem lenticular - Nuvem que se forma sob determinadas condições meteorológicas e que, pelo seu formato lenticular (ou discoidal), é freqüentemente confundida com um UFO.


OANI - Objeto Aéreo Não Identificado. Sinônimo para OVNI.


Operação Prato - Operação desenvolvida pela Força Aérea Brasileira (FAB) para investigar secretamente ocorrências de Objetos Voadores Não Identificados no Pará e Amazonas em 1977 e 1978, sobretudo o fenômeno conhecido na região por "Chupa-Chupa".


Ortotenia - Corredor imaginário que constituiria a rota mais provável dos UFOs. As "linhas ortotênicas", como são chamadas, foram apontadas pela primeira vez pelo ufólogo francês Aimeé Michel, na década de 50. Num mapa, ele ligou os pontos de avistamentos e descobriu que onde as linhas se cruzavam normalmente ocorriam relatos de observação de naves-mãe, com formato de charuto. E da ligação entre esses pontos de cruzamento surgia o que pareciam ser rotas utilizadas pelas aeronaves desconhecidas.Uma das rotas mais conhecidas é a BAVIC, assim chamada porque sua descoberta veio da ligação entre as cidades Bayonne e Vicchi, na França.


OSNI - Objeto Submarino Não Identificado. Como são chamados os UFOs quando vistos sob a água.


Raios bola - Fenômeno meteorológico normalmente confundido com UFOs pelo seu formato esférico e movimento veloz. Forma-se sob cicunstâncias ainda hoje não explicadas, mas sabe-se que é produzido por meio de um acúmulo anormal de energia elétrica num espaço limitado.


Ufologia científica - Ramo da pesquisa Ufológica que mais se aproxima da metodologia científica para apuração dos relatos. Pesquisa a partir do pressuposto de que os UFOs são um fenômeno mensurável e, portanto, com existência física objetiva.


Ufologia esotérica - Ramo da pesquisa Ufológica que admite uma existência não física para o fenômeno UFO. Reúne conceitos científicos e espirituais.

Curiosidade - Avião e ovni

Posted by: "Fábio Santos" fsantos17rj@ yahoo.com fsantos17rj

Teria o governo dos Estados Unidos feito um pacto com alienígenas para a obtenção de tecnologia?

 

Publicado por n3m3 em 20/05/2014

Presidente dos Estados Unidos Eisenhower.

Presidente dos Estados Unidos, Dwight Eisenhower.

O seguinte artigo, de Tara MacIsaac, foi publicado no site www.theepochtimes.com:

Phil Schneider, antes de sua morte, não media palavras para contar o que descobriu sobre alienígenas enquanto trabalhava sob permissão de segurança de alto nível para o governo dos EUA.  O Epoch Times não faz quaisquer alegações sobre a veracidade de sua história, mas apresenta suas alegações extraordinárias para o entretenimento e contemplação do leitor.

Schneider foi ridicularizado por muitos, mas há também aqueles que acreditam nele após assistirem seus vídeos, tais como o editor sênior do site Veterans Today, Gordon Duff, que o chama de “denunciante dos OVNIs“.   Schneider foi encontrado morto em seu apartamento em 1996.  Embora sua morte tenha sido declarada como suicídio, alguns acreditam que ele foi assassinado.

Em 1954, o então Presidente dos EUA, Dwight Eisenhower, fez um pacto com três espécies de alienígenas, disse Schneider numa palestra em 1995, chamada de Preparedness Expo.   Em troca pela tecnologia alienígena, Eisenhower alegadamente concedeu permissão aos alienígenas para abduzirem algum gado e um número limitado de seres humanos.

Por décadas, gado tem sido encontrado inexplicavelmente mutilado por todos os Estados Unidos.  Mais de 10.000 ataques foram registrados pelo país, de acordo com a KLAS-TV de Las Vegas.  Alguns dizem que estas mutilações são feitas por ritualistas.  Alguns dizem que as mutilações são feitas por animais predatórios, embora o gado tenha sido encontrado com os órgãos removidos de forma precisa.  Alguns dizem que são os alienígenas.

Quanto aos abduzidos humanos, Schneider disse que muitos dos milhares de pessoas desaparecidas no mundo todo podem ter sido levados pelos alienígenas.  Ele disse que há nove raças de alienígenas que vêem o ser humano como um “saco de alimento“.

A tecnologia alienígena que foi fornecida neste intercâmbio inclui um tipo de metal que é praticamente indestrutível. Schneider mostrou à audiência o que ele disse ser um pedaço deste metal.  Ele é feito de nióbio, um elemento da nossa tabela periódica, e de ‘marinite’, um elemento alienígena que você não encontra mencionado em nenhum livro da Terra.

Ele disse que o governo também desenvolveu um satélite espião com a ajuda dos alienígenas, que poderia localizar uma pequena moeda no chão da sua cozinha.  Ele usa tecnologia infravermelha e tem uma resolução no fator de 99,99961.

Os alienígenas violaram o pacto, disse Schneider, levando mais humanos do que foi acordado.  Uma guerra contra os alienígenas está em andamento desde então.  Ele disse que os alienígenas planejam tomar a Terra até 2029 e ele clamou ao governo para contar aos cidadãos o que sabe sobre este fato.

Ele disse: “Não temos muito tempo restando“.

n3m3

Fonte: www.theepochtimes.com

Fonte: http://ovnihoje.com/2014/05/20/teria-o-governo-dos-estados-unidos-feito-um-pacto-com-alienigenas-para-obtencao-de-tecnologia/#ixzz32kERgIt7

Trabalho sobre OVNIs / UFOs da antiguidade é disponibilizado em site da NASA

 

Publicado por n3m3 em 21/05/2014

OVNIs-do-tempo-da-Roma-Antiga

Abaixo, é apresentado de forma reduzida um trabalho que (surpreendentemente) pode ser encontrado no site da NASA (em inglês). O trabalho fala a respeito dos avistamentos de OVNIs durante a antiguidade, e inclui alguns relatos muito interessantes.

Porém, possivelmente mais interessante do que os relatos em si (os quais comprovam a veracidade do fenômeno dos OVNIs desde a antiguidade) é o fato da NASA publicar esta literatura em um de seus sites, na página do Instituto Goddard para Estudos Espaciais

No trabalho foram incluídos trechos de relatos romanos, onde o autor descreve como “altamente acreditáveis“, devido ao tempo e esforço que os romanos investiam questionando as testemunhas.  Estes exemplos são retirados de registros governamentais romanos oficiais, que podem ser considerados similares aos boletins de ocorrências da polícia hoje, ou das investigações Congressionais.

Veja:

OBJETOS VOADORES  NÃO IDENTIFICADOS NA ANTIGUIDADE CLÁSSICA

Uma abordagem histórica e científica é aplicada aos relatos antigos do que hoje poderiam ser chamados de objetos voadores não identificados (OVNIs).  Muitos dos fenômenos convencionalmente explicáveis podem ser deixados de lado, restando um pequeno resíduo dos relatos intrigantes.  Estes encaixam de forma perfeita em algumas das categorias de relatos modernos de OVNIs, sugerindo que o fenômeno OVNI, seja lá o que ele for, não tem mudado muito durante dois milênios.

Os seguintes três relatos foram feitos sob a considerável pressão da Segunda Guerra Púnica, quando os prodígios eram provavelmente procurados de forma mais frequente e cuidadosa do que o normal.  Os observadores são desconhecidos, mas seguramente muitos em número, o que pode explicar o pico de relatos de prodígios nessa época.  Não há razões convincentes para inferir uma epidemia de alucinação em massa na parte central da Itália, embora Livy apontou uma medida de histerismo em massa, e até mesmo histeria contagiante entre a população, devido a aproximação da ameaça Cartaginesa.

  • Roma, inverno de 218 AC “um espetáculo de navios (navium) brilhou no céu (Liv. 21.62.4).  Franklin Krauss, por falta de uma explicação alternativa, especulou que os “navios ” eram nuvens ou miragens, embora formações de nuvens sugestivas já eram reconhecidas e familiares por muito tempo.11
  • Em 217 AC “em Arpi, escudos redondos (parmas) foram vistos no céu” (Liv. 22.1.9; Orosius 4.1).  Um parma era um escudo pequeno e arredondado, feito parcialmente ou completamente de ferro, bronze ou outro metal; não sabemos se o lustro destes escudos (e não somente seu formato) foi intencionado de ser um elemento da descrição.  Sóis falsos são uma improvável explicação, já que nas listas de prodígios romanos estes eram descritos de forma rotineira como  “sóis em dobro” ou “sóis em triplo” (e.e. dois  sóis falsos em ambos os lados do Sol real”.
  • Em 212 AC “em Reate, uma enorme rocha (saxum) foi vista voando ao redor da região” (Liv. 25.7.8).  As implicações seriam de que objeto em questão tinha uma cor de pedra acinzentada; o fato de que foi relatada como se movendo de forma irregular (voltaire) deixa aberta a possibilidade de que o objeto que Livy descreve era um pássaro ou algum tipo de entulho suspenso no ar.

Relatos esporádicos de objetos similares continuam a aparecer após este nas listas de prodígios romanos.  As fontes imediatas são novamente Livy e seus extratores Pliny, Plutarch, Obsequens e Orosius.

  • Em 173 AC “em Lanuvium, um espetáculo de uma grande frota foi vista no céu” (Liv. 42.2.4).
  • Em 154 AC “em Compsa, armamentos (arma) apareceram voando no céu” (Obsequens 17).  O termo se refere aos armamentos defensivos, especialmente escudos.
  • Em 104 AC “as pessoas de Ameria e Tuder observaram armamentos no céu, voando juntos do leste para o oeste, aqueles do oeste sendo afugentados”.  Assim Pliny (Nat. 2.1.4.8) que usa o termo arma; a versão de Obsequens (43) é essencialmente a mesma.  Plutarch (Mar. 17.4) chama os armamentos de “lanças de fogo e escudos retangulares”, mas podiam ser meramente brilhantes e em expansão; já que ele apontou o horário como sendo à noite, o fenômeno em questão poderia ser proveniente da aurora boreal.
  • Em 100 AC, provavelmente em Roma, “um escudo redondo (clipeus), queimando e emitindo faíscas, cruzou o céu do oeste para o leste, ao por do Sol”.  Assim Pliny (Nat. 2.100), embora Obsequens (45) chamou o fenômeno de “um objeto circular, como um escudo redondo”.  O clipeus era um escudo redondo, similar ao parma, contudo maior.  Seneca (nat. 1.1.15; 7.20.2), citando Posidonius (Primeiro Século AC), referiu-se à uma classe de clipei flagrantes, dizendo que eles persistiram por mais tempo do que estrelas cadentes.12  Nada nos relatos antigos nega que estes fossem bólidos espetaculares, que cruzavam o céu mais vagarosamente do que as estrelas cadentes ordinárias, mas enormemente mais rápidos do que cometas genuínos, que são vistos por dias ou semanas.13
  • Em 43 AC, em Roma “Um espetáculo de armas ofensivas e defensivas (armorum telorumque species) foi visto se elevando da Terra para o céu, com um som confrontador”. 14 Pode ser que fosse a visualização neste relato de um bólido explodindo enquanto subia sobre o horizonte.
  • Historicamente, a “arma celeste” mais famosa apareceu na primavera de 65 AC, sobre a Judeia.  O historiador Josephus reportou: “No dia 21 do mês Artemisium, apareceu um fenômeno miraculoso, ultrapassando a crença. Deveras, o que estou prestes a relatar seria, eu imagino, comparável à uma fábula, não fosse pelas narrativas de testemunhas e das calamidades subsequentes, que mereceram assim ser sinalizadas.  Pois, antes do por do Sol, por todas as partes do país, charretes foram vistas no ar e batalhões armados cortando as nuvens e abrangendo as cidades”.15  Embora Josephus provavelmente viu o fenômeno por si mesmo e aparentemente o pesquisou, ele apela aos relatos de testemunhas para aumentar sua credibilidade.  O fenômeno não parece ter sido uma aurora, padrões de nuvens ou meteoros, mas sim lembra uma “batalha aérea” de OVNIs modernos.

Richard Sthothers, escritor do artigo, ainda enumera muitos outros relatos da antiguidade em seu trabalho e finaliza com o seguinte pensamento:

…Se preferir pensar em termos de visões universais recorrentes do inconsciente coletivo, interpretações erradas de objetos ordinários, efeitos atmosféricos incomuns, fenômenos físicos desconhecidos ou visitações extraterrestres, aquilo que hoje chamaríamos de OVNI possuí um interesse intrínseco que tem transcende a passagem do tempo e o aumento do conhecimento humano.

n3m3

Fonte do documento: pubs.giss.nasa.gov

 

http://ovnihoje.com/2014/05/21/trabalho-sobre-ovnis-ufos-da-antiguidade-e-disponibilizado-em-site-da-nasa/#axzz32k6krSE3

Óvnis pretos são fotografados em Rhode Island, EUA

 

Enviado por M.F. Luder on fevereiro 20, 2014 – 12:25 am Um comentário | 7.792 views

ovnis rhode island OVNIs pretos são fotografados em Rhode Island, EUA

Um casal viajando pela estrada em West Greenwich, Rhode Island, avistou um par de discos pretos pairando no ar.

Eles resolveram tirar algumas fotos, e em seguida resolveram parar no acostamento para um olhar mais atento. No momento que pararam o carro, os Óvnis se foram.

O casal relata que o avistamento foi por volta das 5h30 no dia 31 de janeiro de 2014. Seus testemunhos e fotos foram enviadas para a Mutual UFO Network (MUFON).

“Eu e meu namorado estávamos dirigindo pela estrada quando vi dois discos pretos pairando no céus. Eu disse ao meu namorado para olhar e ele registrou uma série de imagens que mostram os objetos no céu pairando. Eram circulares e não tinham luzes. Ao parar o carro, eles foram embora”, disseram.

 

Fonte: http://arquivoufo.com.br/2014/02/20/ovnis-pretos-sao-fotografados-em-rhode-island-eua/

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Ex-executiva do Banco Mundial afirma que 'ETs comandam a economia mundial'

 

Por Redação Yahoo! BrasilThinkStock

Depois do ex-ministro da Defesa do Canadá, Paul Hellyer, se manifestar sobre o assunto no ano passado, foi a vez de Karen Hudes, ex-executiva do Banco Mundial, afirmar que extraterrestres comandam a economia mundial e o Vaticano. Segundo ela, seres com cabeça alongada e inteligência excepcional são os responsáveis pelo controle.

“Criaturas não humanas, de cabeça alongada e com QI 150, controlam o Vaticano e os bancos do de todo o mundo. Não são da raça humana. Eles se chamam Homo Capensis. Estiveram na Terra, ao lado da humanidade, antes da Idade do Gelo", afirmou ela em entrevista que pode ser vista no YouTube (assista abaixo, com áudio em inglês).
Para dar base à sua ideia, a ex-executiva cita o caso de objetos encontrados com faraós egípcios, que cobriam suas cabeças com objetos longos, e crânio encontrados no Peru. Com currículo extenso e bem conceituado, Hudes era assessora do alto escalão do Banco Mundial.
Veja o vídeo abaixo:
https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=hzGmggzmSIQ#t=0
fonte: https://br.noticias.yahoo.com/blogs/eita/ex-executiva-do-banco-mundial-afirma-que--ets-comandam-a-economia-mundial-173544803.html

Um Fórum de Ufologia que todo ufólogo deveria participar

 

Curitiba sediará, de 16 a 18 de maio, um congresso especial sobre discos voadores e seres extraterrestres.
Será o  II Fórum Mundial de Contatados 2014, que abordará uma área muito importante da Ufologia: as
abduções alienígenas e os contatos diretos com ETs. Neste evento único no mundo, contatados,
abduzidos e testemunhas de discos voadores revelam suas incríveis experiências à plateia.
O II Fórum Mundial de Contatados 2014 ocorrerá no Hotel Pestana Curitiba e terá mais de 20 horas de
conferências, troca de experiências, debates e muita informação. Os conferencistas vêm de 5 países e
de todo o Brasil. Todos são reconhecidos por terem estado frente a frente com UFOs e extraterrestres.
Junto deles se apresentarão especialistas em abdução e contatismo, que explicarão como estes fatos ocorrem.
Você agora pode assistir ao evento pela internet, de qualquer computador.

Conheça todos os conferencistas e a programação completa em nosso site oficial
(clique na imagem abaixo)

Entre os destaques do II Fórum Mundial de Contatados 2014 estão os norte-americanos Travis Walton
e Debbie Jordan, cujas experiências resultaram em filmes que são sucesso até hoje. Travis passou 5 dias
a bordo de uma nave alienígena. Seu livro “Fogo no Céu” será lançado no evento. Debbie passou por
várias experiências de abdução e foi submetida a um processo genético a bordo do UFO, gerando
crianças híbridas, parte humanas, parte aliens.

O II Fórum Mundial de Contatados 2014 será o maior evento do gênero já realizado. Ele é aberto a
qualquer pessoa. Participe e venha penetrar no mundo das abduções alienígenas e dos contatos
com ETs conhecendo com quem esteve frente a frente com eles. Ouça suas histórias e descubra
que você também pode ser um contatado.
Você agora pode assistir ao evento pela internet, de qualquer computador.

O II Fórum Mundial de Contatados 2014 é uma promoção da Revista UFO, a/c Editora Evolução,
Rua Antônio Dias Adorno 72, 79051-030 Campo Grande (MS). Fone (67) 3341-8231. Este e-mail
está sendo enviado dentro das normas da Associação Brasileira de Marketing Digital (ABMD).

domingo, 18 de maio de 2014

Um bosque estranho ao lado de Moscou pode ser local de aterrisagem de extraterrestres

 

OVNI, espaço, Terra, Rússia

Foto: RIA Novosti

A 200 quilômetros ao sul de Moscou, perto de cidade de Ryazan, há um local onde, possivelmente, aterrissou um OVNI.

No bosque, numa pequena área, crescem árvores recurvadas de modo incomum.

Pesquisadores de fenômenos anômalos estão convictos de que as árvores foram entortadas pelo campo de força da nave dos extraterrestres.

Habitantes locais chamam este local de “bosque bêbado”. Ele surgiu há relativamente pouco tempo – há 50-60 anos. Antes disso havia ali um bosque de carvalhos. Quando cortaram os carvalhos em seu lugar plantaram pinheiros.

Nenhum dos moradores locais lembra se a nova plantação de coníferas logo cresceu torta ou entortou com o tempo. Correm muitas lendas e crendices entre os habitantes mais velhos. Afirmam que nesse local combateram outrora duas feiticeiras de aldeias vizinhas. Os golpes de energia mágica atingiram os troncos das árvores e entornaram-nos – transmite as crendices locais o culturólogo e coletor de folclore Andrei Gavrilov:

“Habitantes locais contaram que viram aqui pessoas estranhas. Aparentemente uma pessoa. Mas se olhassem com mais atenção ela tinha cabeça de lobo ou de cão. Resumindo, um monstro. É perfeitamente possível que isto esteja relacionado justamente com a lenda sobre a luta de duas feiticeiras”.

Nisto não terminam os prodígios. No bosque “bêbado” não há grama nem aves. Mas a poucos metros do trecho estranho há grama e pássaros cantam. É interessante também que nesse local somente as coníferas têm a forma recurvada incomum. As foliáceas crescem direito.

Os cientistas supõem que a versão mais provável do surgimento do bosque “dançante” ou “bêbado” é anomalia geomagnética – diz o diretor do museu regional local, Alexander Gavrilov :

“Toda a questão são as brechas geotectônicas da crosta terrestre. Tais brechas provocam saídas da energia dos campos de torção, torrentes de turbilhão, que entortam as árvores. Simplesmente a natureza de tais campos e energia ainda é pouco estudada".

Trechos do bosque com árvores recurvadas de modo incomum podem ser encontradas também no oeste da Rússia, no litoral do mar Báltico, na região de Kaliningrado. E ali os cientistas também negam qualquer misticismo e falam que tudo se deve aos campos geomagnéticos.

E os habitantes locais afirmam que estes locais são medicinais. E que as árvores encurvadas de modo incomum possuem energia especial, que influi positivamente sobre a pessoa.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/2014_05_17/Um-bosque-estranho-ao-lado-de-Moscou-pode-ser-local-de-aterrizagem-de-extraterrestres-3657/

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Papa que batizar extraterrestres

Da mais alta estranheza: PAPA BENTO XVI NA RÁDIO ALEMÃ EMITE ALERTA SOBRE AGENDA DO VATICANO & Papa diz que batizaria ET se um alienígena o pedisse

Da mais alta estranheza: PAPA BENTO XVI NA RÁDIO ALEMÃ EMITE ALERTA SOBRE AGENDA DO VATICANO

Postado em 13 de maio de 2014 por Joseph P. Farrell

Este artigo foi compartilhado comigo por Herr C.S. na Alemanha, e enquanto eu não tenho nenhuma maneira de verificar se o programa de rádio a que se refere o fato ocorreu (afinal de contas, ninguém pode dizer praticamente qualquer coisa na internet), não deixa de ser intrigante o suficiente em face do que eu trago para a sua atenção.

Parece, de acordo com este artigo, que o ex-Papa Bento XVI (Josef Ratzinger) quebrou o silêncio depois da aposentadoria para emitir um aviso sobre relações curiosas dentro do Vaticano:

O ex-Papa adverte sobre agenda alienígena no Vaticano

http://worldnewsdailyreport.com/former-pope-warns-of-vatican-alien-...

Se for verdade, então ele define a "notícia do espaço" ocorrendo durante o mês anterior em um aspecto ainda mais curioso, para Bento XVI isso está confirmando o que a maioria dos observadores do Vaticano há muito tempo sentia estar acontecendo: uma verdadeira luta entre duas facções, uma com a intenção de preservar o que resta da identidade e da cultura católica, na repercussão da revolução do Vaticano II (que o próprio Ratzinger, em sua função como perito sacerdotal ou especialista durante esse conselho, ajudou a conduzir), e o outro com a intenção de transformar completamente a igreja na atividade de algo, em última análise, completamente estranho a qualquer forma historicamente enraizada no Cristianismo, Católico Romano, ou de outra forma. Muitos, incluindo o ex-observador do Vaticano, o falecido Padre Malachi Martin, ele próprio um ex-jesuíta, compartilharam essas preocupações. Para o registro, vale a pena recordar que Martin escreveu um livro sobre a influência subversiva dos jesuítas, e pediu ao Papa Paulo VI (Giovanni Cardeal Montini) para libertá-lo de seus votos da ordem, o que o Papa fez.

Mas o que Bento XVI tem feito é alertar para uma "agenda alienígena". A questão é - assumindo que os comentários relatados no artigo do link acima são verdadeiros - é o que Bento realmente queria dizer com aquela frase "agenda alienígena", para "alien" pode ​​simplesmente significar estrangeiro, isto é, algo intrinsecamente não católico romano ou talvez algo não cristão, ou, no seu atual uso coloquial, pode significar "não terrestre" ou "não humano". E no contexto católico, que poderia ser tomado para significar também algo espiritual e demoníaco.

Devido ser bastante estranha a notícia do espaço que estivemos rastreando neste site no mês passado ou mais tarde, no entanto, o contexto parece argumentar que Bento está de fato alertando para a súbita mudança de eventos, no Vaticano. Desde que previamente os porta-vozes do Vaticano comentaram sobre a possibilidade de que a vida inteligente não humana poderia ser batizada, o que implica na ideia de que essa vida pode e deve ser evangelizada e convertida, os pronunciamentos mais recentes têm descartado essa possibilidade pelo meio bem conhecido de acolher os nossos "irmãos do espaço", como estando inevitavelmente "mais perto de Deus" do que a humanidade, uma vez que nessa visão eles poderiam não ter caído. Isso, como eu comentei em um blog anterior, é um abandono fundamental das dimensões cósmicas da doutrina da Queda, uma dimensão compartilhada por todas expressões tradicionais dessa doutrina, sejam protestantes, católicos, anglicanos, ou Ortodoxa Oriental.

Mas o significado real aqui é o óbvio: um ex-papa, o primeiro a se aposentar e a se demitir do cargo em quase 600 anos, emitiu um alerta para algo acontecendo dentro do Vaticano. Eu suspeito fortemente que, com as histórias que continuam a girar em torno do banco do Vaticano, com os contínuos escândalos sexuais do clero (e sua supressão), ainda mais com rumores de "prática negra" entre os vários grupos de clérigos e hierarcas, e agora com a estranha reviravolta sobre "irmãos do espaço" emitida do Vaticano, isso do Bento quebrar o silêncio e comentar sobre assuntos enquanto o seu sucessor ainda está vivo, é um grande - ou melhor, uma gigantesca - quebra de protocolo e polidez eclesiástica. Podemos estar de fato olhando para uma constelação de acontecimentos que criaram a verdadeira razão da renúncia de Bento.

E isso só pode significar que Bento XVI está muito alarmado.

Vejo você no outro lado.

Extraído de: http://gizadeathstar.com/2014/05/high-strangeness-pope-benedict-xvi...

Colaboração de

Rosa Amelia Muruci

Rio, 16 de maio de 2014

Enviado por Ana Clara Otoni

13.05.2014

Papa diz que batizaria ET se um alienígena o pedisse

Montagem: Papa Francisco (Reuters/Max Rossi) e Extraterrestre (Wilkicommons)

"Quem somos nós para fechar as portas do Espírito Santo para alguém?". Baseado na máxima cristã, o Papa Francisco disse durante o sermão na última segunda-feira (12) que batizaria alienígenas se um deles viesse ao seu encontro e fizesse o pedido.

A situação hipotética foi usada pelo Papa Francisco para comentar um trecho bíblico que falava sobre a conversão de povos pagãos e judeus, de acordo com a agência de notícias do Vaticano "News.va" e com o site "The Wire". Sua Santidade contextualizou a  necessidade da igreja em estar aberta a todos os povos fazendo uma referência a marcianos, descritos por ele como "seres verdes, com narizes e orelhas grandes".
"Seria impensável, mas se, por exemplo, amanhã uma expedição de marcianos viesse até nós (sim, marcianos, seres verdes, com nariz e orelhas grandes, exatamente como as crianças desenham) e dissessem: 'Eu quero ser batizado'. O que aconteceria?"

Eles seriam batizados, de acordo com o Papa. 

"Quando o senhor mostra o caminho, quem somos nós para dizer: 'Não, o senhor não é decente'. Não, nós não podemos fazer dessa maneira. Quem somos nós para fechar as portas? Assim como na Igreja antiga e, ainda hoje, deveríamos abrir a porta e receber o povo. Nunca fomos um ministério de portas fechadas. Nunca".

Extraído de: http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/posts/2014/05/13/papa-di...

Fonte: http://portaldosanjos.ning.com/group/jornalcelestial/forum/topic/show?id=3406316%3ATopic%3A1537741&xgs=1&xg_source=msg_share_topic

terça-feira, 13 de maio de 2014

90 anos do maior aparecimento ufológico da Europa, acontecido em Fátima, Portugal. Um fato ufológico transformado em fato religioso

Boa tarde amigos. Hoje completa 90 anos do maior evento ufológico da Europa, o aparecimento de Óvnis e Extraterrestres em Fátima, em Portugal. Por quase seis meses, Extraterrestres se apresentaram para três crianças e para fechar com chave ouro, o Óvni apareceu com um brilho intenso para centenas de pessoas. Também mostraram seus poderes tecnológicos manipulando o clima, fazendo chover e secando as pessoas depois de molhadas. A Igreja, sabida como é, transformou o evento ufológico em um evento religioso. Isso depois de tentar encobrir, usando todos artifícios disponíveis, inclusive tentando calar as crianças, enclausurando-as. Uma coisa é certa, o acontecimento resultou em muitos benefícios para a Humanidade. Quem quiser saber mais sobre este caso ufológico, tem que comparecer na nossa próxima reunião ufológica, que acontecerá no dia 30 deste mês na sala 'um' da CDL  de Sobral, que fica situado na Rua Dr. João do Monte 826, no Centro, a partir das 19 horas, com entrada franca.